AMT vai importar 80 autocarros de 40 lugares movidos a gás

A Agência Metropolitana de Transporte vai importar 80 autocarros de 40 lugares movidos a gás a serem geridos pelo sector privado, num projecto que vai custar 3.5 milhões de dólares norte-americanos.  

A empresa Autogás quer massificar o uso de gás natural veicular nos transportes públicos na zona metropolitana de Maputo.

Esta terça-feira, a Autogás assinou um memorando de entendimento com a Agência Metropolitana de Maputo. À luz do acordo, a agência deverá importar 80 autocarros de 40 lugares movidos a gás para a zona do grande Maputo.

O projecto não só fará bem ao ambiente, assim como vai fazer bem aos cofres da Agência Metropolitana de Transporte que poderá poupar 50 milhões de meticais.

Os 80 autocarros vão chegar em Fevereiro de 2020, vão cobrir rotas nas zonas da Cidade de Maputo, Matola, Boane, Namaacha, Marracuene, Bobole, Manhiça e poderá transportar cerca de 32 pessoas por dia.

 

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique