Estados Unidos regista mais de 50.000 casos de COVID-19 em 24 horas

 Estados Unidos regista mais de 50.000 casos de COVID-19 em 24 horas

Os Estados Unidos registaram um novo máximo diário, com mais de 50.000 novos casos de COVID-19, segundo dados desta quarta-feira Este é o maior registo diário registado no país desde que a pandemia começou. No total, já são mais de 2 milhões de casos confirmados e mais de 128 mil mortes.

O Texas, o Arizona, a Flórida e a Califórnia são os Estados mais afectados, retrocedendo actualmente nas medidas de desconfinamento que tinham sido anunciadas.

Mesmo os governantes mais relutantes insistem agora no uso de máscara generalizado, seguindo as recomendações da Organização Mundial de Saúde.

“O que sabemos é que o vírus se transmite através de gotículas respiratórias de uma pessoa infetada, mais frequentemente quando tem sintomas. Mas também pode acontecer antes dela mostrar sintomas ou no momento em que começa a exibi-los, ainda de forma bastante ligeira. E também pode acontecer quando uma pessoa está infectada mas não tem qualquer sintoma”, disse a epidemiologista da OMS, Maria Van Kerkhove.

No Brasil, segundo país mais afectado, com mais de 60.000 mortes e quase um milhão e meio de casos, assiste-se ao levantamento de restrições, contra as recomendações dos agentes de saúde. No Rio de Janeiro, bares e restaurantes arriscaram reabrir esta quinta-feira.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique