Montepuez Ruby Mining garante cumprimento da lei nas suas actividades

 Montepuez Ruby Mining garante cumprimento da lei nas suas actividades

A empresa Montepuez Ruby Mining (MRM) anunciou que está a cumprir a lei moçambicana na extração de esmeraldas e rubis na província de Cabo Delgado, após uma organização não-governamental (ONG) considerar que a empresa estava a lesar o Estado.

Em Abril, o Centro de Integridade Pública (CIP) defendeu a alteração das regras de exploração da MRM para o país passar a reter mais lucros do negócio, considerando que a contribuição fiscal que advém da exploração está abaixo do potencial de produção, que é de 8.4 milhões quilates por ano.

A Montepuez Ruby Mining lembra que desde que começou a actuar no país, em 2012, a empresa pagou um total de 26 por cento das suas receitas ao Governo, além de desembolsar 1,7 milhões de dólares para projectos de responsabilidade social.

 As receitas da empresa são provenientes de leilões e, desde 2012, a empresa arrecadou 335 milhões de dólares, dos quais 10 por cento são destinados a ‘royalties’. A Montepuez Ruby Mining é detida pela Gemfield e pela Mwiriti e a área que está a ser explorada (cerca de 340 quilómetros quadrados) é considerada uma das mais extensas concessões do mundo em mãos de privados.

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique