140 imigrantes fogem de cativeiro na Líbia

140 imigrantes fogem de cativeiro na Líbia

Cerca de 140 imigrantes da África Oriental escaparam de contrabandistas que os mantinham cativos perto da cidade líbia de Bani Walid.
 
De acordo com a Reuters, pelo menos 15 pessoas foram mortas enquanto tentavam fugir e outras 40 pessoas, na sua maioria mulheres, foram deixadas para trás. A fonte avançou ainda que alguns deles tiveram ferimentos de bala graves e múltiplas fracturas.
 
De acordo com uma declaração das agências de migração e refugiados da ONU, os cerca de 140 imigrantes eram de nacionalidade eritreia, etíope e somali e foram detidos pelo “notório traficante Mousa Diab”.
 
Bani Walidq, que fica a cerca de 145 quilômetros ao sul de Trípoli, tornou-se um importante centro de contrabando e tráfico de migrantes que vêm de países da África subsaariana que tentam chegar à costa mediterrânea da Líbia.
 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique