Assembleia de Nampula discute sucessão de Tocova

Assembleia de Nampula discute sucessão de Tocova

A Assembleia Municipal de Nampula reune-se segunda-feira em sessão extraordinária para eleger um novo presidente na sequência de uma carta na qual Manuel Tocova renuncia ao cargo de presidente do órgão, que vinha ocupando desde Fevereiro de 2014, informa AIM.

De acordo com fontes do “Diário de Moçambique”, citado pela AIM, Manuel Tocova submeteu à Assembleia Municipal de Nampula uma carta renunciando ao cargo.

Por força desta carta, na manhã de sexta-feira teve lugar na Assembleia Municipal local, uma reunião que visava concertar posições e marcação de uma sessão extraordinária para a próxima segunda-feira.

Na reunião, os 45 membros da Assembleia Municipal de Nampula vão eleger um novo presidente do órgão, significando deste modo que, independentemente de Tocova estar em liberdade, não mais voltará a exercer o cargo.

Até a altura da detenção, Tocova exercia a função de edil interino daquele município na sequência do assassinato a 4 de Outubro passado do presidente eleito, Mahamudo Amurane.

A Assembleia Municipal de Nampula é constituída por 45 membros, 24 dos quais eleitos pelo Movimento Democrático de Moçambique (MDM), de que Tocova é membro, 20 da Frelimo (partido no poder no país) e um do Pahumo.

Na sexta-feira, a ministra da Administração Estatal e Função Pública, Carmelita Namashulua, disse que será nomeada uma comissão de gestão para dirigir a cidade de Nampula, enquanto se espera pela eleição do novo presidente na intercalar do dia 24 de Janeiro próximo.

Namashulua disse tratar-se de um procedimento legal, pois a urbe não pode ficar sem alguém para geri-la durante o tempo que falta para a eleição do novo presidente, avança AIM.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique