Biblioteca do Camões reabre a 3 de Agosto

Biblioteca do Camões reabre a 3 de Agosto

O Camões – Centro Cultural Português em Maputo irá reabrir a sua biblioteca no dia 3 de Agosto, respeitando todas as medidas adequadas de higiene e segurança.

A reabertura de uma das bibliotecas mais procuradas na cidade de Maputo acontece depois da suspensão temporária do serviço de atendimento ao público devido às medidas de prevenção da COVID-19.

A biblioteca do Camões foi criada em 1989 e possui, actualmente, um acervo com cerca de 20 mil títulos de todas as áreas do conhecimento, com especial destaque para as literaturas em língua portuguesa, Direito e Gestão. “Neste espaço está ainda disponível para consulta o ‘Núcleo de Artes’, patrocinado pela Fundação Calouste Gulbenkian, especialmente vocacionado para as artes visuais, arquitectura e design, dispondo de um acervo específico para o estudo e investigação nos domínios da produção artística e da história da arte africana. A sala dispõe de um serviço de internet gratuito e computadores para consulta de ficheiros online. Recentemente foram realizadas obras de requalificação que permitiram melhorar as condições físicas da sala de leitura, tornar o acervo visível aos leitores e implementar o acesso às obras através de um catálogo dos títulos disponíveis que pode ser consultado online”, lê-se na nota de imprensa do Camões .

A biblioteca estará aberta entre 9h e 17h, mediante o número de lugares disponíveis na sala de leitura. O acesso e o serviço de empréstimo domiciliário são gratuitos (1 obra de cada vez).

“As medidas referidas no presente comunicado serão avaliadas em permanência e mantidas enquanto se considerar ser prudente ao nível de saúde pública. Informaremos devidamente o nosso público se existirem alterações às referidas neste comunicado”, avança ainda a nota do Camões sobre a reabertura da biblioteca.

 

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique