Carmelita Namashulua diz Moçambique deve encontrar uma política nacional para melhor gestão

Carmelita Namashulua diz Moçambique deve encontrar uma política nacional para melhor gestão

Terminou, esta quinta-feira, o simpósio de dois dias promovido pelo Instituto Nacional de Gestão de Calamidades. Para a ministra da Administração Estatal, os intervenientes da gestão de calamidades saem do evento com uma visão mais clara sobre os próximos passos.

A ministra da Administração Estatal e Função Pública, Carmelita Namashulua, diz que o simpósio dos 20 do INGC serviu para deixar bem clara a necessidade de se criar uma política nacional de gestão das zonas áridas no país.  

Para tomar decisões certeiras é preciso conhecer profundamente o objecto e Carmelita Namashulua diz que os debates descreveram as potencialidades e fraquezas do país em zonas áridas.

O pretexto para a realização do simpósio foram os 20 anos do INGC, mas a ideia é eternizar os conhecimentos obtidos no evento através de um relatório detalhado com todas as intervenções, tal como prometeu a Directora Geral da Instituição, Augusta Maíta.


 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique