Ciclo de palestras da AEMO pode continuar via redes sociais

Ciclo de palestras da AEMO pode continuar via redes sociais

O Coronavírus já está a alastrar-se pelo mundo. Com a pandemia Cinemas, teatros e discotecas fecharam as portas por tempo indeterminado para evitar eclosão e possível propagação do novo Coronavírus.

Porque uma das medidas é evitar eventos com aglomeração de pessoas em espaços fechados, a Associação dos Escritores Moçambicanos, promotora do ciclo de palestras No Gume da Palavra, considera a possibilidade de continuar com a realização das palestras através das redes sociais, com os participantes em debate via Skype.

Através desta plataforma, a AEMO espera que No Gume da Palavra consiga alcançar a participação do público estudantil, que ora observa em casa o cumprimento das medidas de prevenção ao Coronavírus, anunciadas pelo Governo de Moçambique.

Para além de escritores e jornalistas, o Programa No Gume da Palavra é dedicado aos amantes da literatura moçambicana em geral.

“Acredito que a realização de No Gume da palavra via Skype “para além de manter em curso o debate intelectual, ira contribuir sobremaneira para a observância da medida de isolamento social, durante o tempo que for necessário. Neste momento iniciamos o processo de registo de participantes, esperando até a adesão de apreciadores da literatura moçambicana a nível internacional ”, disse Secretário-geral da AEMO, Carlos Paradona Rufino Roque.

A programação anual de No Gume da Palavra indica o 15 de Abril, para a realização da palestra subordinada ao tema “Existencialismo de Jean Paul Sartre e a Literatura Moçambicana: (Im)possibilidades de Intersecção”, tendo como palestrante o docente da Universidade Eduardo Mondlane  Albino Macuacua, com moderação de Dionísio Bahule, docente da Universidade Pedagógica de Maputo.

 

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique