Comité de Protecção das Liberdades exige acções concretas à PGR

Comité de Protecção das Liberdades exige acções concretas à PGR

O encontro entre Comité de Protecção das Liberdades e a Procuradoria-Geral da República decorreu hoje, à porta fechada e teve duração de cerca de duas horas e meia. Dentre os vários aspectos discutidos no encontro, o destaque vai para o ambiente de ameaças, raptos e assassinatos contra cidadãos que expressam livremente a sua opinião.

Não obstante, o Comité de Protecção das Liberdades exigiu que a Procuradoria-Geral da República se envolva mais e directamente nos casos, como forma a identificar os reais autores dos crimes relacionados com raptos e assassinatos.

O Comité, representado por um grupo de editores e activistas de media, mostrou-se encorajado com o encontro. Porém, quer que as palavras da Procuradora sejam transformadas em acções, explicou Fernando Lima, do Comité.

Recentemente, aquele organismo pediu uma audiência com o Presidente da República, Filipe Nyusi, aguardando, neste momento, pela resposta.

 

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique