Concorrentes de canto e instrumentos distinguem-se no Mozkids

Concorrentes de canto e instrumentos distinguem-se no Mozkids

Quarta gala, mesmo compromisso: manter-se no maior concurso infantil do país de descobertas de talentos. Este foi o grande desafio dos 41 concorrentes que se apresentaram no palco do Cine Scala, na baixa da cidade de Maputo, na manhã de sábado. Daquele universo, apenas cinco, um de cada categoria, é que foram excluídos. Logo, 36 passaram para a fase seguinte.

Numa gala em que o júri mostrou-se austero do que qualquer outra, as grandes apresentações pertenceram a cinco crianças, nomeadamente, Maria Teresa Manjate, Maida Horácio, Stefanny António, Jorge Mbie e Romena Zunguza.

No primeiro caso, Maria Teresa Manjate, interpretou “Na bonga papa”, da autoria de Lourena Nhate. Com essa música, a menina que comoveu o auditório cumpriu dois propósitos, o de homenagear o pai por tudo o que tem feito por ela e, como consequência, adquirir a pontuação máxima. Também na categoria de canto, destacou-se Maida Horácio. Esta concorrente interpretou o tema “Meu advogado”, de Bruna Carla, e o Scala quase entrou em euforia. Afinada e livre de qualquer pressão, a terceira das oito concorrentes mais votada na categoria de canto arrancou aplausos desde o princípio ao fim da actuação. Por isso, consegui conquistar naturalmente os 30 pontos possíveis do júri.

À imagem dos concorrentes de canto, os da categoria de instrumentos musicais superaram-se e surpreenderam as expectativas dos três membros do júri, Maria Helena Pinto, Dadivo José e Dudas Aled, e do auditório em geral. Nesta categoria, o primeiro a destacar-se foi Stefanny António. O menino tocou uma música de Ray Charles no seu teclado como se fosse algo fácil. Resultado? 30 pontos e uma salva de palmas bem forte. A proeza repetiu-se quando Jorge Mbie, tocando Wazimbo no seu violino, apresentou-se no Scala mais uma vez destemido. “Eu preferi tocar ‘Nwahulwana’, de Wazimbo, porque é uma boa música e antiga. Quis dá-la uma nova vida”, disse o concorrente. Stefanny António e Jorge Mbie seguem para quinta gala com duas concorrentes: Kiyone Sigaúque e Shanikwa Boene.

A completar a lista das grandes actuações de sábado esteve a pequena Romena Zunguza. Desta vez, a concorrente de poesia declamou “Se me quiseres conhecer”, de Noémia de Sousa. E foi arrepiante. O poema longo, extraído do único livro da poetisa moçambicana, Sangue negro, pareceu curto. Com boa dicção, paixão e representação, Romena arrancou os 30 pontos do júri, e já é uma das candidatas a vencer o grande prémio na categoria de poesia. As outras candidatas são Flórida Guambe (a mais votada), Shantel Macuvele (segunda mais votada) na gala passada. Com as três poetisas, seguem em frente Elisa Senguele, Carla Timbane, Tiago Luís, Luísa Sambo e Michelle Taimo.

Além das cinco crianças, mereceram muitos aplausos na quarta gala do concurso infantil concorrentes como Bruna Sofia de Morais. Como é habitual até aqui, a menina interpretou o seu terceiro tema em língua inglesa. No caso, a escolha da concorrente de canto voltou a ser Adele. Atrás da Rindzela Novela, que continua a mais votada da categoria de canto, Bruna Morais é a que reuniu mais votos. Com as duas meninas, além de Maida Horácio, seguem para a quinta gala do Mozkids Talents Stefanny Mulumbula, Maria Teresa, Cybell Duarte, Sílvia Abdula e Ana Maura Matacane.

No teatro, Riaz e Vanda continuaram em alta na quarta gala. A dramatização da importância da escola valeu à dupla muitos elogios do júri. Riaz e Vanda seguem em frente como os mais votados da categoria de teatro. Também seguem para a quinta gala Nicole e Gina, Charlise Khan e Yunat Dengo, Jéssica Albino e Joaquina, Dionísio Custódio, Tamyris e Toyvo Chiluvane e Nadeen Domingos e Custódia.

Na categoria de dança, a manhã de sábado foi de Ezaly Assura. A pequena dançarina conseguiu ser a mais votada da quarta gala e promete preparar-se mais de modo a deixar o público estupefacto “e com cócegas na barriga”. Acompanham Ezaly a dupla Kayla Cristina e Kyara Manjate, Alisha Francisco, Erpídia Chiconela, Naima e Nazira Tuahir, Kayane Machavane, Letícia Alzira e Tónia e Alfredo Nhancupe.

 

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique