Covid-19: FMI adia visita a Maputo

Covid-19: FMI adia visita a Maputo

O surto do novo Coronavírus obrigou o adiamento da visita de uma equipa técnica do Fundo Monetário Internacional a Maputo, que estava agendada para a segunda quinzena deste mês, com vista ao início de negociações da retoma de financiamento directo ao Orçamento do Estado moçambicano.

Um contratempo para as aspirações do Governo moçambicano que se ve privado de fundos externos ao Orçamento do Estado desde Abril de 2016, altura em que os principais doadores suspenderam o apoio na sequência do escândalo da dívida pública.

No passado mês de Fevereiro, o Fundo Monetário Internacional recebeu um pedido formal do Executivo de Maputo para o início das discussões em volta de uma possível retoma ao financiamento. Os encontros tinham sido agendados para a segunda quinzena de Março, mas devido ao surto do Covid-19 foram adiados.

Entretanto, o representante residente do FMI em Moçambique prevê um desfecho favorável para o Governo de Filipe Nyusi.

Ary Aisen falava à imprensa em Maputo, à margem do lançamento do Manual sobre Projecções Macroeconómicas em Moçambique, instrumento que servirá de base para a melhoria da planificação orçamental.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique