COVID-19: Quarto caso de Inhambane foi contaminado na África do Sul

COVID-19: Quarto caso de Inhambane foi contaminado na África do Sul

O paciente em causa regressou da vizinha África do Sul no passado dia 8 de Maio, e foi para sua casa em Jangamo. 10 dias depois, o indivíduo foi ao Centro de Saúde de Cumbana, naquele distrito, com problemas respiratórios. Dada à gravidade do quadro clínico, o mesmo foi transferido para o Hospital Provincial de Inhambane.

Com o quadro clínico que inspirava cuidados, o indivíduo foi internado no Centro de Isolamento Transitório do maior Hospital da Província e foram colhidas amostras para o teste de Coronavírus. 48 horas depois, veio o resultado que confirmava que o indivíduo estava infectado pela doença.

Segundo Sônia Mahesso, da Direcção Provincial de Saúde em Inhambane, o indivíduo já veio da viagem com os sintomas, porém, procurou tratamento ali na comunidade.

Detectado o Coronavírus no organismo do indivíduo, as autoridades trataram imediatamente de fazer o levantamento dos contactos do mesmo. Entre eles, estão técnicos de saúde que o atenderam nas duas unidades sanitárias em Jangamo e Inhambane.

Ao todo são até aqui 27 pessoas identificadas como sendo o contacto deste caso confirmado, cujas amostras foram recolhidas para análises laboratoriais e submetidos à quarentena obrigatória.

O quarto indivíduo contaminado em Inhambane continua internado no Centro de Isolamento de Jangamo com sintomas moderados a graves, entretanto apresenta alguns sinais de melhoria.

Relativamente ao indivíduo que atendeu este paciente, na comunidade, ele e a família foram submetidos a quarentena e ao teste de Coronavírus. Sucede que este cidadão, depois de cumprir a quarentena domiciliária, deverá responder judicialmente por prática ilegal de Medicina.

 

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique