Emmanuel Macron quer reforçar laços comerciais com a China

Emmanuel Macron quer reforçar laços comerciais com a China

O presidente francês iniciou, esta segunda-feira, uma visita de três dias à China. Recebido pelo homólogo chinês, Xi Jinping, em Xangai, Emmanuel Macron tem como objetivo fortalecer os laços comerciais entre os dois países e também com a União Europeia.

Nesta visita, que ocorre durante um período de tensão entre a China e o Ocidente, o chefe de Estado francês espera assinar cerca de 40 contratos, na quarta-feira, em Pequim, que envolvem os sectores do agroalimentar, do turismo e da saúde.

O presidente chinês procura, também, o apoio dos países europeus para estimular a economia do país, que mostra sinais de abrandamento devido à guerra comercial com os Estados Unidos da América.

Em Março de 2018, durante uma visita a Paris, Xi Jinping foi recebido por uma frente europeia unida para discutir o ambicioso projecto da nova Rota da Seda.

Sete meses depois, Emmanuel Macron vai tentar pressionar Xi Jinping para concluir um acordo de investimento com os europeus.

As negociações entre a China e a União europeia sobre um acordo para o investimento arrastam-se há mais de cinco anos e ambos os lados esperam conclui-lo até ao final de 2020.


 

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique