Espanha já tem data para eleições gerais

Espanha já tem data para eleições gerais

O Chefe do Governo espanhol, Pedro Sánchez anunciou, na manhã desta sexta-feira, a data das próximas eleições gerais para 28 de abril. Estas eleições antecipadas são as terceiras em menos de quatro anos, depois de o parlamento ter chumbado o seu projeto de Orçamento para 2019.

A decisão da data foi anunciada depois de uma reunião extraordinária do Conselho de Ministros do governo minoritário do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE), que durou uma hora.

“Há cerca de nove meses abriu-se a primeira moção de censura na história do país”. O governo de Mariano Rajoy, como recorda Sánchez, foi condenado por enriquecimento ilícito e acusado de não atender às pretensões dos espanhóis. “Foi, por isso, nessa altura que foi avançada a moção de censura” argumentou.

Apoiado por mais de vinte partidos, Sánchez formou um governo jovem e com uma maioria de mulheres, algo sem precedentes na história democrática da Espanha. Mas, embora tenha sido aplaudido, a imagem do executivo rapidamente se deteriorou com os escândalos que atingiram vários ministros. Dois deles demitiram-se.

No exterior, Sánchez teve o baptismo de fogo na cimeira europeia sobre imigração. Pedro Sánchez era um aliado para fortalecer o eixo anti xenófobo e promover a solidariedade europeia na distribuição dos refugiados. Sánchez anunciou as prioridades do seu governo, “a consolidação do crescimento económico, a criação de emprego e a reforma das instituições democráticas”.

 

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique