MOZEFO: quase 100 profissionais mobilizados para servir 1 800 refeições por dia

A ciência explica que uma boa alimentação interfere positivamente na função cerebral e aumenta a concentração. Numa conferência que tem por objectivo debater a importância do conhecimento para o desenvolvimento da sociedade, esta componente não podia estar em falta.

Quando menos de oito dias nos separam da segunda edição do Grande Fórum MOZEFO, o ambiente da cozinha do Grupo Montebelo Hotéis, antigo Indy village, já regista alguma agitação. Carnes, vegetais e mariscos foi o que “O País” encontrou em preparação, na visita feita ontem. Mas muito mais será servido nos dias 22, 23 e 24 de Novembro próximo, no Centro de Conferências Joaquim Chissano.

Seis pratos estarão disponíveis para serem deliciados, acompanhados das respectivas saladas e sobremesas. A equipa da cozinha será responsável por garantir cerca de 5 500 refeições, 1 800 por dia, contando o pequeno-almoço e almoço.

O chefe de cozinha português Sérgio Santos, com mais de 14 anos de experiência e passagens pelo Congo, dirige os trabalhos. “A gastronomia moçambicana é de topo e está provado que no nosso país se faz muitas coisas boas que mostram que temos riquezas, em termos de mariscos, que vale a pena serem internacionalizadas para os convidados a este fórum”, referiu o chief.

Contando cozinheiros e equipa de ornamentação, o grupo Monte Belo vai mobilizar cerca de 100 pessoas para o evento.

“É um evento que vai envolver muitas pessoas e muita logística. Vai ser uma grande responsabilidade garantir o serviço de catering para o Centro de Conferências Joaquim Chissano e o faremos para agradar todos os participantes”, explica o director do grupo, Paulo Matos.

Para o grupo, o Grande Fórum MOZEFO é uma oportunidade para juntar decisores e principais actores da sociedade para debater o desenvolvimento baseado no conhecimento.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique