Ferroviário de Maputo abre "oficina" com Nelson Santos

Ferroviário de Maputo abre

A abertura de oficinas nos clubes que vão disputar as principais provas do calendário futebolístico moçambicano, nomeadamente o Moçambola e a Taça de Moçambique, é o principal atractivo destes primeiros dias do ano. A UP de Manica foi a primeira a abrir as oficinas em meados de Dezembro passado, seguindo-se a União Desportiva de Songo, no dia 27 de Dezembro, e o Costa do Sol, na semana passada, estas duas por via da suas participações das competições africanas, nomeadamente a Liga dos Campeões Africanos e a Taça CAF.

Para amanhã, está marcada a abertura de oficinas no Ferroviário de Maputo, equipa que foi ao Costa do Sol buscar a principal espinha dorsal, desde o treinador, Nelson Santos, até alguns jogadores que eram titulares e influentes no esquema “canarinho”, como são os casos de Loló e Manucho. Aliás, Aguiar e Kito são outros dois prováveis jogadores vindos do Costa do Sol que poderão ser apresentados na sede do Ferroviário de Maputo.

Kito, segundo informações postas a circular nas redes sociais, está ainda conotado ao Ferroviário de Nampula.
Para além do confirmado regresso de Jeitoso, depois de uma tentativa nas terras de Madiba, onde ficou seis meses sem sucesso no Cape Town City; Nelson, ex-Maxaquene; Liberty; Elias e Ussama, ex-Liga Desportiva de Maputo, são outros nomes de realce que serão ouvidos na apresentação do plantel “locomotiva” para atacar às principais provas que vai disputar, nomeadamente o Moçambola e a Taça de Moçambique.
Mas não somente esses jogadores serão apresentados. Uma das estrelas do Textáfrica do Chimoio na época passada, Kelo, também está na lista, bem como Obel e Maninho, vindos do Clube de Chibuto. Frank, que época passada defendeu as redes da ENH de Vilankulo, vai disputar a titularidade com Germano e Simplex, uma vez que César Machava não vai continuar no clube.

Mas muitos outros tantos jogadores permanecem no clube que vai procurar resgatar a mística perdida com a falta de títulos, porque a última vez que comemorou uma conquista foi em 2015, com o Moçambola no bolso. São os casos de Diogo, Timbe, Sidique, Chico, Gito, Mario e Tico, entre outros, que tentaram remar contra a maré, ano passado.

A apresentação dos “locomotivas” será na sede do clube, às 10h00.

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique