Ferroviário de Maputo perde diante do Primeiro de Agosto

Ferroviário de Maputo perde diante do Primeiro de Agosto

 

Com um cinco inicial constituído por Onélia Mutombene, base armadora, Inguivild Mucauro, Anabela Cossa, Gisela Vega e Odélia Mafanela, o Ferroviario de Maputo entrou para a quadra com um dispositivo defensivo homem homem na sua área restritiva.

Foi, no entanto, o  D'Agosto que esteve melhor nos instantes iniciais do jogo com Leia "Tanucha" Dongue a jogadora desequilibradora nas tabelas.

Mas depois o Ferroviário de Maputo fez os ajustes defensivos e ganhou esclarecimento ofensivo, sendo que com  4 minutos por se jogar no primeiro quarto liderava a marcha do marcador com o parcial de 12-9. Desconto de tempo pedido pedido por Jaime Covilhã, treinador do D'Agosto. Troca de bases, com as agostianas a melhorarem em termos de prestação na quadra. Ao cabo do primeiro quarto, o Ferroviário de Maputo vencia pelo parcial de 21-19.

No segundo quarto, Iñaki Garcia, treinador do Ferroviário de Maputo, refrescou a posição um com a entrada para o jogo de Dulce Mabjaia para o lugar de Onélia Mutombene.

Lançou, igualmente, Sara Chan para a posição quatro. Fase inicial do segundo quarto com o Ferroviário de Maputo a cometer alguns erros que permitiram as angolanas passarem a liderar a marcha do marcador: 30-25 com 5 minutos por se jogar nesta etapa.

Com as campeãs nacionais a revelarem problemas ao nivel do balanço defensivo, os bloqueios a não sairem e o D'Agosto a ganhar as segundas bolas, as angolanas sairam ao intervalo a vencer.

No início do segundo quarto, Alicia Devaughn, poste americana de 26 anos, liderou as angolanas a uma vantagem de 14 pontos, portanto, a maior até então no jogo: 49-35.

Sem esclarecimento ofensivo e face a um D'Agosto com clarividência, o Ferroviário de Maputo viu as angolanas dispararem para uma vantagem de  17 pontos: 55-38.

Com Deolinda Gimo a aparecer quer ao nível dos tiros curto e exteriores, as "locomotivas" reduziram a diferença para 14 pontos no final no terceiro quarto: 63-49.  E, à entrada do quarto quarto, uma defesa a toda largura do campo.

No limite das faltas, ou seja, com quatro, a combativa Odélia "Mafa" Mafanela forçou Iñaki Garcia a fazê-la descansar.

Alicia Devaughn, poste americana, foi a melhor cestinha do 1º de Agosto com 22 pontos, tendo sido secundada por Leia "Tanucha" Dongue que contabilizou 14 pontos.

Na sua zona preferencial, os 6.75 metros, Ana Suzana Jaime destacou-se com tiros exteriores que relançaram o jogo. Mas as agostianas controlaram o jogo e venceram por 74-65.

Do lado do Ferroviário de Maputo, Deolinda "Dio" Gimo foi a melhor cestinha com 17 pontos.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique