FIFA mantém 32 equipas para o mundial de 2022 em Qatar

FIFA mantém 32 equipas para o mundial de 2022 em Qatar

A FIFA garantiu ontem que não vai acrescentar o número de seleções a participar na fase final do Campeonato do Mundo a realizar-se no Qatar em 2022.

Já é um dado adquirido o aumento das actuais 32 para 48 seleções a participar da fase final do Campeonato do Mundo a se realizar nos Estados Unidos, Canadá e México em 2026.

A dúvida que cresceu em Fevereiro último, com o presidente da FIFA, Gianni Infantino a assumir-se optimista quanto à possibilidade, era se o acréscimo de seleções aconteceria no Mundial de 2022, a realizar-se no Qatar.

O optimismo caiu por terra quando nesta quarta-feira, o organismo máximo do futebol mundial, emitiu uma nota na qual descarta a possibilidade de levar 48 seleções para aquele país árabe.

A decisão resulta de um estudo de viabilidade onde a FIFA e o Qatar exploraram conjuntamente as possibilidades de aumentar o número de equipas.

“Após um processo de consulta minucioso e abrangente com o envolvimento de todas as partes interessadas relevantes, concluiu-se que, nas circunstâncias actuais, tal proposta não poderia ser feita agora”.

Para além do envolvimento de países vizinhos na organização, a FIFA e o Qatar tentaram reduzir alguns dos principais requisitos para sediar a competição.

“Uma análise conjunta, a este respeito, concluiu que, devido à fase avançada dos preparativos e à necessidade de uma avaliação pormenorizada do potencial impacto logístico no país de acolhimento, seria necessário mais tempo e não poderia ser tomada uma decisão antes do final do prazo. Junho. Por conseguinte, decidiu-se não prosseguir com esta opção”.

No mesmo documento a FIFA sentencia também que nenhuma proposta será apresentada no próximo congresso da FIFA em 5 de junho.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique