Fundo de estradas quer dar mais atenção a reabilitação

Fundo de estradas quer dar mais atenção a reabilitação

O Governo de Moçambique definiu a área de infra-estruturas como uma das prioridades para o quinquénio 2015-2019. Para este ano, o executivo injectou cerca de 7 mil milhões de meticais para reabilitação de estradas, valor que o Fundo de Estradas considera muito pouco para alcançar as metas definidas.

O Presidente do fundo de Estradas, Ângelo Macuácua, diz que as infra-estruturas rodoviárias são de custo elevado, e “sem uma manutenção adequada e bem planificada, o país pode vir a pagar mais caro ainda pela sua reabilitação”.

Neste momento, o Fundo de Estradas está a mobilizar parceiros, empresas e outras formas de contribuição como “taxas de portagens, taxas de combustível e rodoviárias”, para arrecadação de fundos para cobrir reabilitação de estradas.

A informação foi avançada esta quinta-feira em Maputo na terceira reunião do Comité Executivo da Associação dos Fundos de Manutenção de Estradas de África, evento que conta com a participação de Namíbia, Zâmbia, Quénia, Etiópia, Camarões, Costa de Marfim e República Centro Africana


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique