Ilha de Moçambique com lotação esgotada para festa dos 200 anos

Ilha de Moçambique com lotação esgotada para festa dos 200 anos

Os dias parecem correr a uma aceleração invulgar para os organizadores envolvidos na organização da mega festa dos 200 anos de elevação da Ilha de Moçambique à categoria de cidade. A uma semana para o dia 17 (data da efeméride), já não há espaço para hospedagem nos hotéis, casas de hóspedes, pensões ou outro tipo de locais de dormida.

A informação é confirmada pela direcção do Turismo no Município da Ilha de Moçambique, na voz de Abacar Naimo. “Até vamos utilizar algumas casas de privados que já nos cederam para podermos alojar as pessoas, pois, haverá muita procura nessa data”.

Espera-se entre 1500 a 2000 pessoas na celebração dos 200 anos. Fala-se de altas individualidades, mas ainda não se revela nomes. Verdade, porém, é que espera-se muita agitação na pequena porção de terra que foi a primeira capital de Moçambique.

O trânsito na ponte de 3 km que liga o continente à ilha será gerido de tal forma que não haverá circulação normal de veículos. Haverá um parque nos dois extremos e circularão viaturas devidamente autorizadas para levar as pessoas de um ponto para o outro, tudo para evitar engarrafamentos difíceis de gerir, atendendo que a ponte tem apenas uma faixa de rodagem e no intervalo de alguns troços há uma espécie de pontos de cedência de circulação que só dão para duas viaturas.

São menos de 250 km que separam a cidade de Nampula e à Ilha de Moçambique. A celebração do bicentenário, este ano, marca uma grande festa que conta com o envolvimento da UNESCO atendendo que a Ilha de Moçambique é património da humanidade.

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique