O País Online - A verdade como notícia

Segunda-feira
26 de Junho
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Início

Pintor Rafo Diaz exibe “Maputo em cores” no Centro Cultural Brasil-Moçambique

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

Pintura

 

O pintor e contador de estórias peruano Rafo Diaz, inaugura, hoje, às 18h00, na Galeria de Arte Djanira, no Centro Cultural Brasil-Moçambique, em Maputo, a sua nova obra de pintura, designada “Maputo em cores”, sua 9ª exibição de arte.

De acordo com o pintor, esta nova viagem pelo mundo das artes constitui uma grande alegria para si, pois pode partilhar com o público apreciador de pintura, no geral, e da sua arte, em particular, os produtos dos últimos meses de trabalho no seu laboratório criativo.

“Desta vez vou apresentar aproximadamente umas trinta obras, a maioria em técnica de giz pastel, mas também algumas aquarelas, acrílicos e marionetas de papel mache com capulanas”, disse o pintor.

A 9ª exibição de arte do peruano Rafo Diaz “Maputo em cores” pretende ser uma olhada particular do horizonte circundante ao artista, no que toca às personagens ou às pessoas que moram na cidade de Maputo ou que frequentam a capital do país, e ao contexto colorido em que essas entidades desenvolvem as suas actividades.

Contudo, nesse processo criativo, Rafo Diaz não se esquece nunca das imagens populares atinentes às diferentes regiões moçambicanas.

A exibição “Maputo em cores” estará aberto  para o público no Centro Cultural Brasil Moçambique a partir de amanhã até o dia 30 do mês em curso, nos horários das 10h00 às 16h00.

Com horário limitado, a 9ª exibição de Rafo Diaz poderá ser visitada pelo público também aos sábados.

 

Leia mais na edição impressa do «Jornal O País»

 

"Moçambique tem tudo para ser uma potência de África e do mundo.

Tem riqueza que chega para todos. Falta é de inteligências."

 

Adelino Timóteo