O País Online - A verdade como notícia

Domingo
20 de Agosto
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Início Desporto

Desporto

Portugal procura vaga no Mundial diante da Bósnia

Portugal procura vaga no Mundial diante da Bósnia

Sábado, no Estádio da Luz

Ler mais...
Mambas jogam acesso ao CAN diante da Tunísia

Mambas jogam acesso ao CAN diante da Tunísia

Desafio da sexta e última jornada do grupo B das eliminatórias combinadas para o CAN e Mundial de 2010

Ler mais...

Morreu Robert Enke

Robert Enke morreu aos 32 anos. O guarda-redes atirou-se para uma linha de comboio em Neustadt Rubenberge, em Hanover. “Posso confirmar que foi suicídio”, disse Robert Neblung, amigo e empresário do jogador, à agência SID. O antigo guardião do Benfica, entre 1999 e 2002, recuperava de uma infecção que o afastou dos relvados nas últimas semanas e estava prestes a regressar à competição.Enke e a sua mulher, Teresa, ainda estavam de luto pela morte da filha Lara, ocorrida em Setembro de 2006, após complicações cardíacas decorrentes de uma operação aos ouvidos. “É uma notícia horrível”, disse o presidente do Hannover 96, Martin Kind, que foi informado pela polícia no aeroporto, quando regressava de uma reunião da Liga alemã. “Esperávamos muita coisa, mas algo assim não, não sei o que aconteceu e porquê”, disse Kind à agência Dpa. O presidente do clube da Bundesliga, onde joga o português Sérgio Pinto, mostrou-se convicto, no entanto, de que a morte de Enke “não teve nada a ver com o futebol”. Devido à infecção bacterial, o antigo guarda-redes das “águias” esteve algum tempo afastado dos relvados, tendo regressado, na última ronda da Bundesliga, frente ao Hamburgo (2-2). Apesar de não ter sido chamado para os jogos particulares com o chile e a costa do Marfim, a 14 e 18 de Novembro, o seleccionador alemão, Joachim Low, tinha deixado claro que contava com ele para número um da baliza da Mannschaft no Mundial 2010, na áfrica do Sul.
Enke, internacional por oito vezes, nasceu a 24 de Setembro de 1977, em Jena, na então República Democrática da Alemanha e, ao longo da sua carreira, representou o carl Zeiss Jena, o Borússia de Monchengladbach, Benfica, Barcelona, Fenerbahçe, Tenerife e Hannover 96, clube no qual alinhava
desde 2004. A Federação alemã recebeu a notícia logo após um dos treinos do estágio que está a realizar em Bona para o jogo com o chile. O organismo publicou um comunicado em que manifesta o seu “pesar” pela morte de Robert Enke, e Joachim Low e o director desportivo, Oliver Bierhoff, informaram aos jogadores. “Estamos todos muito chocados e sem palavras”, disse Bierhoff à SID.O governador da Baixa-Saxónia, Christian Wullf, mostrou-se também muito abalado com a notícia da morte de Enke. “A Alemanha perdeu um atleta de excepção e uma pessoa sensível, que foi um exemplo para muitos, estamos de luto e enviámos condolências à mulher, à família e aos seus muitos amigos”, disse Wullf num comunicado da chancelaria do governo regional, em Hanover.

Jogo de juvenis atrapalha treino dos Mambas

Jogo de juvenis atrapalha treino dos Mambas

Hoje, os Mambas treinam à porta fechada

Ler mais...

“Caso Dário Khan” é assunto encerrado

Acabou e bem, diga-se, o diferendo entre Dário Khan e a Federação Moçambicana de Futebol, FMF. O caso remontava ao jogo Nigéria vs Moçambique, a contar para a penúltima jornada das eliminatórias combinadas para o CAN e Mundial-2010, e tinha que ver com as “famosas” passagens aéreas pagas e ou não pelos inquilinos do prédio Fonte Azul aos jogadores da selecção nacional que actuam no estrangeiro, que ditou a ausência de Dário Khan no jogo de Lagos, com a Nigéria.Questionado sobre o assunto, o vice-presidente da Federação Moçambicana de Futebol, António Chambal, garantiu, em exclusivo ao nosso jornal, que o assunto Dário Khan “é um assunto encerrado”, e mais não disse.

“Só pensamos em ganhar”

Em entrevista, ontem, ao jornal Record, Humberto Coelho, seleccionador da Tunísia, disse que “todos sabemos da relevância desta qualificação para o prestígio do futebol tunisino. Estão todos expectantes, mas ainda não podemos festejar.É preciso confirmar a nossa posição no sábado, frente a Moçambique, que é uma boa equipa”, sustentou Humberto Coelho. Com 11 pontos em cinco jogos, a Tunísia lidera o grupo B sem derrotas, dispondo de dois pontos de vantagem sobre a Nigéria. “Temos estado bem e fizemos por merecer esta posição. Há que apresentar boa atitude, mostrar trabalho e solidariedade”, referiu o treinador, lembrando que, à partida, a Nigéria seria “a principal favorita”.“Só pensamos em ganhar. Até podíamos perder se a Nigéria não ganhasse ao Quénia, mas sabemos que só podemos contar connosco. Espero ter os jogadores aptos e bem fisicamente para ter mais soluções no jogo de sábado”, concluiu.

“Mambinhas” já trabalham para o Torneio da Cosafa

“Mambinhas” já trabalham para o Torneio da Cosafa

Com apenas dez dos trinta e um atletas convocados por Amade Chababe Amade e José Augusto

Ler mais...
Kyle Lawrence deixa concorrência para trás

Kyle Lawrence deixa concorrência para trás

Última prova está agendada para o próximo dia 5 de Dezembro 

Ler mais...

Abedi Pelé chega hoje a Maputo

O ex-internacional ganês Abedi Pelé desembarca hoje em Maputo com a taça da Confederação Africana de Futebol (CAF), devendo jantar, às 19h00, com os Mambas, no hotel onde a selecção se encontra em estágio.Durante os três dias em que irá permanecer no país, Abedi Pelé vai escalar a cidade da Beira, bem como assistir ao jogo do próximo sábado entre os Mambas e a Tunísia, pontuável para o grupo B da fase de qualificação para o CAN e Mundial de 2010. Por outro lado, o ex-capitão da selecção ganesa vai manter encontros com personalidades políticas e desportivas moçambicanas, bem como orientar sessões de treino com futebolistas das camadas jovens, como forma de aumentar a sua capacidade técnica e táctica.Segundo António Coutinho, PCA do Standard Bank, a digressão do troféu pelo nosso país vai permitir que os amantes do desporto, sobretudo do futebol, debatam sobre o futebol africano e estejam ligados ao Campeonato Africano das Nações (CAN), para além de interagir com o lendário futebolista africano. “A escolha de Abedi Pelé como embaixador do futebol do Standard Bank resulta do seu valor, visão e cometimento para com o desenvolvimento do continente africano”, referiu.Coutinho ajuntou ainda que o patrocínio do Standard Bank ao futebol representa “uma parte importante da estratégia do banco para se aproximar cada vez mais dos nossos clientes, pois se trata dum banco líder no continente e nos mercados emergentes”. “Achamos gratificante ter o troféu mais importante do futebol africano no nosso país, acompanhado pelo Abedi Pelé – um dos maiores desportistas de África de todos os tempos – antes de chegar a Luanda em 19 de Novembro de 2009”, disse a finalizar Coutinho.Refira-se que Pelé esteve em Maputo antes do CAN que teve lugar no seu país.

Amélia e Rezia voltam a mostrar sua supremacia

A dupla Amélia e Rezia conquistou, domingo, na zona da Miramar, praia da Costa do Sol

Ler mais...

Orlando sem magia em Oklahoma

Os Orlando Magic jogaram pela quarta vez sem Vince Carter

Ler mais...
Joseph Blatter contra excesso de naturalizados

Joseph Blatter contra excesso de naturalizados

Blatter diz que é necessário travar esta situação

Ler mais...
Ouro sobre verde

Ouro sobre verde

Campeões. Campeões. Nós somos campeões

Ler mais...
Chingale, Ferroviários de Nampula e de Nacala despromovidos

Chingale, Ferroviários de Nampula e de Nacala despromovidos

Chingale de Tete e Ferroviário de Nampula

Ler mais...
Jerry, o matador

Jerry, o matador

Foi o melhor marcador do Moçambola-2009

Ler mais...

Ferroviário de Maputo conquista campeonato

O Ferroviário de Maputo sagrou-se este domingo campeão nacional de futebol,

Ler mais...

Jerry poderá ser confirmado melhor marcador

O avançado do Ferrovi­ário de Maputo, Jere­mias Sitoe, mais conhe­cido por Jerry, l

Ler mais...
ANC nega ter pressionado contra testes a Semenya

ANC nega ter pressionado contra testes a Semenya

O partido no poder na África do Sul, ANC,

Ler mais...

Antes o bronze... que nada

A selecção nacional, os Mam­bas, venceu a África do Sul por uma bola sem resposta

Ler mais...

É agora ou nunca!

A partida desta tarde pode ser, também, de desforra para o combinado nacional,

Ler mais...
Página 299 de 316

"Moçambique tem tudo para ser uma potência de África e do mundo.

Tem riqueza que chega para todos. Falta é de inteligências."

 

Adelino Timóteo


publicidade

Edição Impressa e O Tempo

 Edição  O Tempo

 Edição Impressa -18-08-2017

Impressa

 

Maputo

 

Inhambane

 Beira
 

Nampula

 
 


 

EQUIPAANO
Ferroviário da Beira 2014
Ferroviário da Beira2013
Liga Muçulmana2012
Ferroviário De Maputo 2011
Maxaquene2010
Ferroviário De Maputo2009
Atlético Muçulmano2008
Costa Do Sol 2007
Desportivo De Maputo2006
Ferroviário Da Beira2005
Ferroviário De Maputo2004
Ferroviário De Nampula2003
Costa do Sol2002
Maxaquene2001
Costa do Sol2000
Edição Impressa411