O País Online - A verdade como notícia

Sábado
21 de Outubro
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Início Desporto

Desporto

Guebuza encoraja

Guebuza encoraja "Mambas"

AIM constatou a existência de longas filas nas casas onde os bilhetes estão sendo vendidos, uma cenário que se regista desde as primeiras horas da manha.

Ronaldo

Ronaldo "bisou" em mais um "show" pós regresso

O avançado brasileiro Ronaldo, melhor marcador da história dos Mundiais, conseguiu quarta-feira o primeiro “bis” pós regresso, ao apontar dois tentos ao Ponte Preta (2-2), em encontro da 16ª jornada do campeonato paulista de futebol. Perante cerca de 20.000 espectadores, e na primeira vez que actuou 90 minutos esta temporada, Ronaldo marcou aos 36 minutos, numa grande penalidade apontada com enorme classe, e voltou a “facturar” aos 57, com um remate muito colocado. Ronaldo Luiz Nazario de Lima (32 anos) conta quatro golos em cinco encontros ao serviço do Corinthians, que não conseguiu o triunfo por culpa de um tento Gum, aos 76 minutos, depois de Leandrinho ter inaugurado o marcador, aos 32. O ex-jogador de Cruzeiro, PSV Eindhoven, FC Barcelona, Inter de Milão, Real Madrid e AC Milan, três vezes jogador do ano da FIFA (1996, 1997 e 2002), esteve 387 dias afastado dos relvados, devido a mais uma grave lesão, que chegou a colocar em risco a sua carreira. Na classificação do estadual de São Paulo, o ainda invicto Corinthians (nove vitórias e sete empates) mantém o segundo lugar, com 34 pontos, menos seis do que o líder Palmeiras, que terça-feira venceu o Bragantino por 2-1 e também segue invencível (12 triunfos e quatro empates).

Lurdes Mutola empossa e toma posse  C.O.M

Lurdes Mutola empossa e toma posse C.O.M

Foi empossado, na tarde de ontem, em Maputo, o novo elenco directivo do Comité Olímpico de Moçambique (COM). O mesmo é presidido por Marcelino Macome, vencedor das eleições realizadas semana passada, durante a assembleia-geral deste organismo desportivo, pleito no qual concorreu pela lista única à sua própria sucessão. Falando após a tomada de posse, Marcelino Macome, que vai dirigir os destinos do COM por mais quatro anos, mostrou-se reconfortado pela confiança nele depositada no dia das eleições, tendo também destacado alguns dos objectivos traçados pelo seu elenco.“Um dos principais cavalos de batalha do nosso elenco é, sem dúvidas, a construção da nova sede que, como sabeis, deverá ser implantada aqui mesmo nas actuais instalações”.Trata-se de um projecto cuja proposta foi aprovada na assembleia-geral da semana passada. A construção ocupará uma área de cerca de 3.600 metros quadrados, um empreendimento que o Comité Olímpico espera ver financiado pelos patrocinadores e parceiros. Mais  sobre esta reportagem no jornal "O País" edição de 26/03/09 

TicoTico é a grande dúvida para domingo

A selecção nacional de futebol, Mambas, realizou na tarde de ontem a sua quinta sessão de treinos com vista ao encontro do próximo domingo, frente à Nigéria. Foi uma sessão em que o seleccionador nacional priorizou a troca de bola, os remates à meia distância, bem como os livres directos, que são uma das armas dos nigerianos. Ainda sem contar com o capitão Tico-Tico, que se encontra a recuperar de uma lesão, mas já com Simão, que realizou o seu segundo treino nos Mambas, Amade Chababe disse que a preparação para a partida de domingo dá primazia aos aspectos psicológicos e não físico-tácticos, “pois os jogadores estão bem fisicamente. Mas é preciso incutir neles o espírito de não temerem o adversário, mas usarem o aspecto psicológico para que apenas tenham respeito e não medo.” Chababe disse ainda que a equipa técnica já está acautelada da possível não recuperação do capitão dos Mambas, Tico-Tico, tendo para o efeito convocado o avançado da Liga Muçulmana Maninho. Para tal, foi dispensado o avançado Nito, que para Chababe não mostrou sinais de recuperação nem de adaptação ao conjunto. O seleccionador nacional adjunto falou ainda do estágio que a Nigéria está a levar a cabo na África do Sul, tendo dito que isso mostra preocupação por parte dos nigerianos, que encaram a partida com muita responsabilidade. “Para nós, o mais importante é não nos desconcentrarmos no domingo, pois assim corremos o risco de ser penalizados e perder. Mas em nossa casa temos que vencer a partida”, concluiu Amade Chababe.  

Governo promete apoiar hóquei em patins

O director nacional dos Desportos, Inácio Bernardo, assegurou, ontem, que o Governo está ciente que deve apoiar a selecção nacional de hóquei em patins, que vai participar, em Julho próximo, no Campeonato do Mundo do Grupo “A”, em Vigo, Espanha.De acordo com Inácio Bernardo, “nós não olhamos somente para o futebol, porque sabemos que temos outras prioridades. Para este ano, é nossa intenção expandir o raio de apoio às modalidades, e o hóquei em patins é também nossa prioridade. Sabemos que a selecção nacional vai participar no campeonato do mundo em Vigo, Espanha, e nós vamos suportar a participação deles nesta competição”, disse.Ainda de acordo com aquele dirigente desportivo, neste momento estão a ser levados a cabo vários torneios nacionais e, dentro em breve, alguns internacionais, como forma de dar maior competitividade às equipas que movimentam o hóquei em patins, mas também aos jogadores que se preparam para o mundial.  “Nós também vamos apoiar para que isso seja uma realidade e possamos ter uma selecção forte. Mais sobre esta informação só no jornal “ O País” edição de 26/03/09      

Governo dá 10 milhões de meticais ao Fut-21

Governo dá 10 milhões de meticais ao Fut-21

O Governo vai disponibilizar este ano 10 milhões de meticais para apoiar o projecto Fut-21, um valor relativamente superior aos 8 milhões de meticais que o Governo encaminhou para o projecto no ano passado, anunciou director nacional dos Desportos, Inácio Bernardo. Bernardo, falava na reunião de balanço entre o Governo (patrono do projecto Fut-21) e seus parceiros, garantiu que a imagem do projecto continuará assegurada em todos os eventos a ele relacionados, com destaque para os jogos da selecção nacional de futebol, Mambas, principal beneficiário da iniciativa. O Fut-21 continuará a apoiar os Mambas na campanha em curso rumo ao CAN e Mundial de 2010, a terem lugar em Angola e África do Sul, respectivamente. Balanço positivo De acordo com Inácio Bernardo, o balanço das actividades do projecto no ano passado é positivo e “agradou aos parceiros”, que se sentem felizes com o mesmo. “O facto de eles (os parceiros) não terem levantado questões relativamente ao relatório significa que as coisas estão a caminhar bem. A grande preocupação dos parceiros era a garantia da publicação da sua imagem e isso nós asseguramos, daí que se sentem satisfeitos”, ssegurou Inácio Bernardo. Futebol foi a grande prioridade O projecto preferiu iniciar as suas acções promovendo o futebol e a selecção nacional, os precisavam, na sua óptica, de mais apoio do Governo e parceiros. Para justificar tal facto, Bernardo recorreu ao facto de os Mambas estarem a melhorar consideravelmente em termos de produção, estando neste momento entre as 20 melhores selecções do continente africano. “Ficamos sempre claros que o arranque do projecto teria que ser com o futebol,  particularmente com a selecção nacional, pois sentimos que precisava de apoio para garantir os seus objectivos, mais do que outras modalidades. Este ano vamos não só olhar para o futebol, mas também para outras modalidades”, garantiu Bernardo. Para já, as outras áreas que serão abrangidas este ano são o basquetebol e o voleibol, sendo que em relação à primeira modalidade o projecto estará concentrado na procura de parceiros para a concretização da Liga Nacional        

Mãos à obra, rapazes!

Mãos à obra, rapazes!

Os Mambas iniciaram esta segunda-feira a preparação para o jogo do próximo domingo diante da Nigéria. A sessão de treinos, a primeira de dez agendadas por Mart Nooij e seus pares, durou cerca de hora e meia. O trabalho iniciou com os habituais exercícios de relaxamento, com conversa fiada e brincadeiras à mistura, o que revela boa disposição no seio do grupoDepois, seguiu-se um momento de corrida, tudo cronometrado pela equipa técnica e, pouco tempo depois, uma peladinha, onde Mart Nooij dividiu os atletas em dois grupos de 10 cada. Miguel Chau, um dos adjuntos do holandês, foi quem deu a cara pelo grupo e disse, em entrevista colectiva, que a filosofia de trabalho não iria mudar. “Vamos continuar a trabalhar como sempre vimos fazendo desde que Mart cá chegou, tanto no que diz respeito à estratégia, quanto à organização da estrutura”, disse Miguel Chau, realçando que “poderão acontecer algumas situações em que deveremos ter mais atenção, sabido que é o tipo do nosso adversário.”Mano e Tico-Tico foram poupados por Mart Nooij. O seleccionador nacional adjunto explicou que “são duas situações bem diferentes para cada um deles. O Mano teve uma carga de jogos no seu clube, o Emmpi do Egípto (cinco em apenas 10 dias). hoje(ontem, segunda-feira), submetêmo-lo a um trabalho de vazamento da fadiga, mas amanhã (hoje, terça-feira) já vai trabalhar sem restrições. O Tico-Tico vem de uma lesão. Está em processo de recuperação, mas até quarta-feira poderá trabalhar sem limitações”, explicou.Para já, dos 23 pré-convocados para a “operação Nigéria”, somente 20 estiveram à disposição da equipa técnica ontem. Paíto e Genito, que só à hora do treino desembarcaram em Maputo, foram direitinho ao hotel e serão enquadrados hoje, dia em que chega o “grego” Simão Mate.Sumbana promete apoio aos mambasDe boné, camiseta e cachecol, tudo ostentando as cores da selecção nacional, Fernando Sumbana subiu ao relvado sintéctico do Estádio da Machava. Desengane-se quem pensou que foi para vestir a pele de seleccionador nacional, embora em algum momento assim parecesse. Fernando Sumbana juntou-se ao grupo de trabalho com o intuito de deixar junto deste uma palavra de apreço, fé e confiança no mesmo.A premiação aos Mambas, muitas vezes abordada de forma leviana, foi outra das componentes focadas pelo ministro, em resposta a uma questão de jornalistas. Mesmo não tendo revelado o valor, Sumbana disse que a mesma já estava garantida.Refira-se que o apoio que o governo prevê conceder aos Mambas poderá ser anunciado esta terça-feira, num encontro entre o ministro do Turismo e da Juventude e Desportos e parceiros do Projecto Fut-21. 

Chingale faz 1o ponto

O Chingale de Tete conquistou o primeiro ponto do Moçambola-2009, na tarde deste domingo, ao consentir um empate caseiro diante do Matchedje de Maputo, sem abertura de contagem em partida de futebol a contar para a terceira jornada do Moçambola 2009. O empate não foi suficiente para trazer a alegria no rosto dos mais de cinco mil espectadores que se fizeram ao campo de Desportivo de Tete. Ou seja, é caso para dizer que não foi desta que os “canarinhos” de Tete tiveram a oportunidade de deliciar o sabor da vitória aos seus adeptos e simpatizantes, que mais uma vez afluíram em massa ao relvado do Desportivo para apoiar na máxima força a sua equipa. Foi uma partida sem muitas agressões físicas, o que acabou facilitando a equipa de arbitragem chefiada por Manuel Chirinza, que esteve bem durante os noventa minutos do jogo.

Mambas confiantes no jogo contra Nigéria

Mambas confiantes no jogo contra Nigéria

Na ocasião, ele reiterou o apelo a presença massiva do público no domingo, para puxar pela selecção que tanto precisará do calor que os amantes da modalidade têm para transmitir.

“Vai ser um jogo difícil”

“Vai ser um jogo difícil”

“Cada jogo é uma final para nós”

A preparação da selecção nacional de futebol, os Mambas, para o confronto do próximo dia 29 de Março, diante da Nigéria, continua, e esta terça-feira foi reservada para uma conferência de imprensa que tinha como objectivo apresentar toda a máquina de preparação dos Mambas. Mart Noiij, seleccionador nacional, começou por dizer que a equipa está quase completa, após a chegada de Paíto e Genito na tarde de segunda-feira, sendo que o último Mamba ainda ausente, Simão Mathe, só ontem a tarde desembarcou na capital do país. No que diz respeito ao jogo do próximo domingo, Mart Nooij afirmou que o conjunto nacional não deve temer o adversário, mas sim, respeitá-lo. “Temos que ter em conta que vamos defrontar a Nigéria, que é uma grande selecção a nível de África e do mundo, está entre as primeiras cinco selecções do continente, mas isso não deve ser motivo de preocupação, porque vamos jogar em nossa casa e, em nossa casa, quem manda somos nós”. Esclareceu que o principal objectivo deste jogo é contrariar o favoritismo dos nigerianos, pressionar e “procurar realizar o nosso jogo. Temos uma defesa muito forte e um meio campo que consegue desequilibrar. Jogadores como Genito e Dominguez conseguem desequlibrar o adversário e isso fará com que tenhamos uma situação de equilíbrio na equipa e poderemos, inclusive, marcar golos”. A Nigéria, recorde-se, qualificou-se para esta terceira e última fase sem perder nenhum ponto diante dos seus adversários, tendo sofrido apenas um golo, situação que não intimida Mart e seus jogadores. Seis jogos, seis finais Mart Noiij disse ainda que a campanha inicia com a Nigéria dentro de um grupo de espírito muito forte e que “vamos procurar encarar cada jogo como uma final, isto é, vamos realizar seis jogos para atingirmos aquilo que são os nosso objectivos”, disse Nooiij, acrescentando que “a concentração está virada para o jogo de domingo, mas a campanha toda está virada para os nossos objectivos. O que nós queremos é puxar para o mais longe possível a nossa luta de qualificação para as duas provas, embora saibamos que apenas o primeiro vai ao mundial e do primeiro ao terceiro vão ao CAN.” O seleccionador nacional lembrou ainda que o Quénia vai defrontar a Tunísia no sábado, mas que esse resultado não interessa ainda, estando nos objectivos dos jogadores, o resultado de domingo, diante da Nigéria. Paíto feliz com o regresso Já o Mamba Paíto, que esteve ausente dos últimos dois jogos da fase anterior de qualificação devido a uma lesão, mostra-se confiante num bom desempenho da equipa de todos nós, nesta partida diante da Nigéria e nesta campanha rumo a Angola e África do Sul, respectivamente. “Sentimos todos uma grande responsabilidade, porque representamos uma nação de mais de 20 milhões de pessoas e isso é o mais importante para as nossas vidas”, salientou Paíto, quando questionado sobre o grau de responsabilidade que os jogadores sentem nesta altura. Ademais, Paíto disse sentir-se feliz com o regresso e espera ajudar a selecção a atingir o seu objectivo. “Quando joguei pela última vez ganhamos o jogo e agora que estou de regresso, espero que voltemos a ganhar e, assim, conseguirmos o nosso objectivo.” Paíto ainda deixou um conselho para o público: que se  faça presente no Estádio da Machava para dar o seu máximo apoio e que muitos outros estejam do lado de fora a apoiar a selecção nacional.

Página 324 de 324

"Moçambique tem tudo para ser uma potência de África e do mundo.

Tem riqueza que chega para todos. Falta é de inteligências."

 

Adelino Timóteo


publicidade

Edição Impressa e O Tempo

 Edição  O Tempo

 Edição Impressa -20-10-2017

Impressa

 

Maputo

 

Inhambane

 Beira
 

Nampula

 
 


 

EQUIPAANO
Ferroviário da Beira 2014
Ferroviário da Beira2013
Liga Muçulmana2012
Ferroviário De Maputo 2011
Maxaquene2010
Ferroviário De Maputo2009
Atlético Muçulmano2008
Costa Do Sol 2007
Desportivo De Maputo2006
Ferroviário Da Beira2005
Ferroviário De Maputo2004
Ferroviário De Nampula2003
Costa do Sol2002
Maxaquene2001
Costa do Sol2000
Edição Impressa420