O País Online - A verdade como notícia

Quinta-feira
27 de Abril
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Início Economia Economia CDM reduziu importações de vidro com devolução de garrafas de 330 ml

CDM reduziu importações de vidro com devolução de garrafas de 330 ml

Projecto Devolver permitiu a manutenção do preço da cerveja de 330ml

O projecto Devolver permitiu às Cervejas de Moçambique (CDM) a redução das importações em mais de 320 milhões de meticais e a retenção de garrafas equivalentes a quatro mil toneladas de lixo nas ruas do país.

A iniciativa foi lançada há nove meses e tem como objectivo converter garrafas de 330ml das marcas 2M, Manica, Laurentina Preta e Laurentina Clara em garrafas retornáveis.

Numa altura em que há uma subida generalizada de preços, a CDM diz que o projecto Devolver tem permitido a manutenção do preço das garrafas de 330ml retornáveis.

A CDM garante que a iniciativa vai continuar como forma de reforçar os benefícios para o consumidor, a economia e o meio ambiente, transformando o movimento de retorno de garrafas num hábito natural no dia-adia dos moçambicanos.


 

 

"Moçambique tem tudo para ser uma potência de África e do mundo.

Tem riqueza que chega para todos. Falta é de inteligências."

 

Adelino Timóteo


publicidade

Edição Impressa e O Tempo

 Edição  O Tempo

 Edição Impressa -26-04-2017

Impressa

 

Maputo

 

Inhambane

 Beira
 

Nampula

 
 

Edição Impressa 393