O País Online - A verdade como notícia

Sábado
22 de Julho
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Início Economia Economia CTA satisfeita com trégua militar

CTA satisfeita com trégua militar

Rogério Manuel diz que cessação das hostilidades está a impulsionar a economia nacional

O presidente da Confederação das Associações Económicas de Moçambique (CTA), Rogério Manuel, defende a importância da paz para a economia. Para Manuel, a paz é a condição para garantir o desenvolvimento do país.

O presidente da CTA, que se encontra em Quelimane, referiu que actual trégua militar está a contribuir para a dinamização da economia porque permite a circulação de pessoas e bens.

“Desde que iniciaram as tréguas, devo dizer que os negócios começaram a fluir. A transitabilidade começou a conhecer o seu melhor momento, daí que o escoamento dos produtos começou a fluir e os negócios estão a movimentar-se. Neste momento não temos razões de queixa”, referiu.

Rogério Manuel acrescentou que os empresários apenas precisam de estabilidade política para desenvolver seus trabalhos.

Na província da Zambézia, a tensão-política comprometeu a economia. 


 

"Moçambique tem tudo para ser uma potência de África e do mundo.

Tem riqueza que chega para todos. Falta é de inteligências."

 

Adelino Timóteo


publicidade

Edição Impressa e O Tempo

 Edição  O Tempo

 Edição Impressa -20-07-2017

Impressa

 

Maputo

 

Inhambane

 Beira
 

Nampula

 
 

Edição Impressa401