O País Online - A verdade como notícia

Sexta-feira
28 de Julho
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Início Internacional Internacional Oposição vai contestar resultado do referendo turco

Oposição vai contestar resultado do referendo turco

Referendo que alarga poderes de Erdogan será contestado no Tribunal Europeu dos Direitos Humanos

O principal partido da oposição na Turquia anunciou, hoje, que vai contestar no Tribunal Europeu dos Direitos Humanos o resultado do referendo turco de 16 de abril, que alarga os poderes do presidente Recep Tayyip Erdogan, avança o Notícias ao Minuto.

O Partido Republicano do Povo, partido secular laico e social-democrata, vai contestar o resultado do referendo alegando várias irregularidades no processo, incluindo uma controversa decisão do comité eleitoral de aceitar a contabilização de boletins de voto que não tinham os selos oficiais.

A decisão de contestar o referendo no tribunal europeu, com sede em Estrasburgo, na França, surgiu um dia depois da mais alta instância administrativa da Turquia ter rejeitado um pedido para anular a votação.

Na votação de 16 de Abril, que aumenta os poderes de Erdogan e faz com que a Turquia passe a um sistema político presidencialista, o "sim" ganhou com escassa margem sobre o "não".


 

 

"Moçambique tem tudo para ser uma potência de África e do mundo.

Tem riqueza que chega para todos. Falta é de inteligências."

 

Adelino Timóteo


publicidade

Edição Impressa e O Tempo

 Edição  O Tempo

 Edição Impressa -28-07-2017

Impressa

 

Maputo

 

Inhambane

 Beira
 

Nampula

 
 

Edição Impressa401