O País Online - A verdade como notícia

Quinta-feira
21 de Setembro
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Início Internacional Internacional Sismo causa mais de 60 mortes no México

Sismo causa mais de 60 mortes no México

Mais de 300 pessoas ficaram feridas

Subiu para 61 o número de mortes provocadas pelo sismo que abalou na madrugada de sexta-feira o Sul do México – o mais forte abalo registado em todo o mundo desde o início deste ano. Mais de 300 pessoas ficaram feridas.

De acordo com o Público, a cidade de Juchitán, na zona costeira do estado de Oaxaca, foi uma das mais afectadas, com dezenas de edifícios destruídos e muitos outros danificados.

 “A situação de Juchitán é crítica. Este é o momento mais terrível da sua história”, afirmou o Presidente mexicano, Enrique Peña Nieto, numa visita à cidade na sexta-feira à tarde para acompanhar os trabalhos de socorro e, já depois de ter decretado um dia de luto nacional, com as bandeiras a meia-haste em todo o país em memória das vítimas

Já a RTP avança que muitas das estruturas estão danificadas e não oferecem segurança. Várias famílias são obrigadas a abandonar as habitações.
Elementos de equipas de resgate, militares e polícias espalham-se por várias vilas e cidades nos três estados mexicanos mais afectados: "Uarraca", Chiapas e Tabasco.

Por entre os escombros procuram-se sobreviventes. E os números oficiais da tragédia continuam a ser provisórios.

 

 

"Moçambique tem tudo para ser uma potência de África e do mundo.

Tem riqueza que chega para todos. Falta é de inteligências."

 

Adelino Timóteo


publicidade

Edição Impressa e O Tempo

 Edição  O Tempo

 Edição Impressa -20-09-2017

Impressa

 

Maputo

 

Inhambane

 Beira
 

Nampula

 
 

Edição Impressa414