O País Online - A verdade como notícia

Quinta-feira
21 de Setembro
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Início Internacional Internacional Vítima dos ataques de 11 de Setembro identificada 16 anos depois

Vítima dos ataques de 11 de Setembro identificada 16 anos depois

40% Das vítimas do World Trade Center continua sem identificação

Uma vítima do ataque de 11 de Setembro de 2001 ao World Trade Center, em Nova York, foi identificada, de acordo com médicos legistas da cidade americana, avançou a BBC Brasil.

O homem é a 1.641ª pessoa identificada de um total de 2.753 que morreram no ataque às torres gêmeas. Sua identidade, que foi confirmada através de um teste de DNA, está a ser mantida em sigilo a pedido de sua família.

Um total de 1.112 pessoas que morreram (40%) continua sem identificação, quase 16 anos depois do ataque terroristas.

Dois aviões de passageiros se chocaram contra as torres gêmeas de Nova York naquele dia, como parte de uma série de ataques coordenados contra alvos nos EUA, reivindicados pela Al-Qaeda.

Um outro avião sequestrado por terroristas caiu sobre o Pentágono, na Virgínia, e um quarto, sobre a Pensilvânia, depois que passageiros resolveram enfrentar os sequestradores.

Ao todo, os ataques de 11 de Setembro mataram quase 3 mil pessoas.

 

"Moçambique tem tudo para ser uma potência de África e do mundo.

Tem riqueza que chega para todos. Falta é de inteligências."

 

Adelino Timóteo


publicidade

Edição Impressa e O Tempo

 Edição  O Tempo

 Edição Impressa -20-09-2017

Impressa

 

Maputo

 

Inhambane

 Beira
 

Nampula

 
 

Edição Impressa414