O País Online - A verdade como notícia

Quarta-feira
22 de Fevereiro
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Início Sociedade Sociedade Sequestrado proprietário da empresa Pembe Mozambique na Matola

Sequestrado proprietário da empresa Pembe Mozambique na Matola

Empresário tentou resistir, mas foi imobilizado pelos criminosos

O proprietário da empresa de produção e venda de farinha de milho Pembe Mozambique, LDA-cujo nome não conseguimos apurar - foi ontem sequestrado a escassos metros da sua empresa, na cidade da Matola. Tudo aconteceu por volta das 9h00 da manhã quando a vítima estava a entrar na rua que dá acesso a empresa. Chegado quase ao meio do percurso, contam testemunhas, que duas viaturas – uma de frente e outra de trás – bloquearam a viatura da vítima.

“Vi quatro pessoas, uma delas trazia uma arma do tipo AKM. Quando os criminosos se aproximaram, ele gritou pedindo socorro. Eu também gritei para despertar os seguranças nas proximidades. Alguns saíram, mas depois recuaram. Quando os meliantes lhe tentaram tirar do carro, ele resistiu. Pela resistência foi golpeado com recurso a arma e ficou inanimado. Dai, os criminosos carregaram a ele e meteram-lhe no carro deles e foram embora. Mas antes disso, porque a viatura da vitima estava a obstruir a via, eles ainda tiveram tempo de empurra-la para que uma delas pudesse sair. Depois de feito tudo isso, fizeram um único disparo”, contou uma testemunha.

Um cidadão que se apresentou como trabalhador da empresa criticou a falta de prontidão dos seguranças da empresa e de outros que estavam nas redondezas. “Quando tudo aconteceu fui chamar os seguranças, mas todos recolheram, tiveram medo alegando que não tinham armas, mas apenas chambocos e que as armas estavam guardadas algures dentro da empresa. Eu me pergunto, como os seguranças ficam sem o seu material de trabalho?”, questionou.

“O País” procurou falar com algum responsável da empresa, mas nenhum se dignou a prestar qualquer esclarecimento sobre o sucedido. Entretanto, soube-se que momentos depois da ocorrência, a Polícia esteve no local para averiguações.

 

"Moçambique tem tudo para ser uma potência de África e do mundo.

Tem riqueza que chega para todos. Falta é de inteligências."

 

Adelino Timóteo


publicidade

Edição Impressa e O Tempo

 Edição  O Tempo

 Edição Impressa -22-02-2017

Impressa

 

Maputo

 

Inhambane

 Beira
 

Nampula

 
 

Edição Impressa 384