O País Online - A verdade como notícia

Sexta-feira
28 de Julho
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Início Sociedade Sociedade Desmantelada fábrica ilegal de bebidas em Sofala

Desmantelada fábrica ilegal de bebidas em Sofala

Autoridade Tributária apreende oito mil litros de bebida com 43% de álcool em garrafas de 275ml

Na fabriqueta desactivada, pertencente a um cidadão de nacionalidade chinesa, identificado pelo nome Guofu Gao, foram apreendidos cerca de oito mil litros de bebida, contendo 43 por cento de volume de álcool, embalados em garrafas de 275 mililitros.

A unidade de produção funcionava nas instalações onde anteriormente foi desmantelada outra fabriqueta que produzia bebida com rótulo NGaláxiaG.

O coordenador do Gabinete de Comunicação e Imagem da AT a nível da região centro do país, António Camacho, disse que a fábrica não possui armazém alfandegário, facto que incorre a uma infracção aduaneira.

 “Por causa desta infracção, não estão a ser deduzidos e pagos impostos específicos que incidem sobre bebidas alcoólicas, o que constitui objecto principal de apreensão. O desmantelamento resulta de um trabalho de fiscalização em curso levado a cabo pelas Alfândegas de Moçambique”, disse Camacho.

O coordenador assegurou que a bebida apreendida vai ser levada aos armazéns das Alfândegas de Moçambique, onde outra quantidade de álcool, anteriormente confiscada, aguarda pelos trâmites legais.


 

 

"Moçambique tem tudo para ser uma potência de África e do mundo.

Tem riqueza que chega para todos. Falta é de inteligências."

 

Adelino Timóteo


publicidade

Edição Impressa e O Tempo

 Edição  O Tempo

 Edição Impressa -27-07-2017

Impressa

 

Maputo

 

Inhambane

 Beira
 

Nampula

 
 

Edição Impressa401