IPAJ, LDH e a Visão Mundial querem que justiça seja acessível aos grupos vulneráveis

IPAJ, LDH e a Visão Mundial querem que justiça seja acessível aos grupos vulneráveis

O Instituto de Patrocínio e Assistência Jurídica (IPAJ), Liga dos Direitos Humanos (LDH) e a Visão Mundial assinaram esta sexta-feira, um memorando de entendimento que visa assegurar o acesso à justiça a crianças e adultos vulneráveis.

Acesso à justiça para os mais desfavorecidos!

Essa é a frase que resume o memorando de entendimento assinado em Maputo, entre a o IPAJ, LDH e a Visão Mundial.

Para Paulo Nhancale, representante da Liga dos Direitos Humanos, este memorando vem pôr fim aos supostos conflitos que existem entre a Liga e o IPAJ no que se refere às áreas de actuação.   

Em quanto que para Eleutério Fenita, director de advocacia e justiça para a criança na Visão Mundial espera que a criança seja protegida, e que essa protecção passe pelo acesso à justiça.

Colocadas as aspiração das instituições acima mencionadas, Justino Tonela, director-geral do IPAJ assegura que vai se empenhar para garantir o acesso à justiça e protecção a crianças, através da aplicação de instrumentos internacionais.

Juntou-se também ao memorando, o Instituto Superior de Educação à Distância que espera dar o seu contributo através da disponibilização de recursos humanos.

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique