Joaquim Chissano é o ADN da diplomacia moçambicana

O professor universitário Carlos Mussa foi um dos oradores que integrou o painel “Moçambique e a cooperação internacional”, o último do simpósio diplomático a realizar-se na Arena 3D, na Katembe. Na sua intervenção, Mussa disse que Joaquim Chissano é o ADN da diplomacia moçambicana e que o antigo Presidente da República concebeu a diplomacia do país recrutando na Geração 8 de Março. “Na qualidade de Ministro dos Negócios Estrangeiros sempre reservou tempo para dar aulas sobre diplomacia”, acrescentou o professor universitário.

Carlos Mussa afirmou que em diferentes momentos Joaquim Chissano tem sido fonte e biblioteca viva onde se vai buscar o saber. Por isso, “temos de saber preservar esta grande biblioteca porque há muitos antigos estadistas que quando saem não deixam grandes legados”.

Além disso, Mussa acrescentou que, actualmente, Moçambique deve apostar numa cooperação que deve ajudar a reescrever o nome do país com letras de ouro com palavras como esperança, paz e reconciliação. “Chissano sempre nos lembra que a paz é um bem precioso na consolidação da unidade nacional, e a cooperação internacional é um factor determinante no desenvolvimento do país”, finalizou.

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique