Junta com pouco movimento de passageiros para zona centro

Junta com pouco movimento de passageiros para zona centro

O Terminal Interprovincial da Junta Regista fraco movimento de passageiros com destino a zona centro do país. A Associação dos Transportadores avança que muitos têm medo de viajar por causa da passagem do ciclone Idai.

O cenário que se vive no principal terminal dos transportes interprovinciais de Maputo é isolador. Autocarros parados a espera de clientes que não chegam. Poucos se predispõem a viajar…temem o que podem encontrar ao longo do caminho.

Para Gil Simione da AMOTRAS, Associação dos Transportes Interprovinciais, a venda de bilhetes tem oscilado muito nos últimos dias, quase ninguém compra, se antes era normal encher um autocarro, hoje são vendidos por dia perto de 5 bilhetes, mesmo assim há disponível todos os dias um carro para cada província afectada.

O responsável pelos transportes interprovinciais diz ainda que os autocarros têm levado passageiros sem dinheiro completo da passagem, muitos chegam desesperados e preocupados com seus familiares afectados pela catástrofe.

Osvaldo Vidigal é outra possível vítima do ciclone. Falando ao País Vidigal revelou que não tem dormido desde quinta-feira tudo porque a sua esposa e filho de 8 meses deviam chegar a Maputo sexta-feira e até agora não tem notícias de ambos.

Refira-se que o ciclone Idai destruiu várias infraestruturas rodoviárias.


 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique