Luís Cezerilo candidata-se a Secretário-Geral da AEMO

Luís Cezerilo candidata-se a Secretário-Geral da AEMO

No dia 6 de Outubro, a Associação dos Escritores Moçambicanos (AEMO) vai reunir-se em Assembleia Geral electiva, a qual contará com Pedro Chissano, Domingos Pedro e Iracema de Sousa como membros da Comissão Eleitoral Constitutiva. Um dos escritores que concorre ao cargo de Secretário-Geral daquele organismo é Luís Cezerilo, quem se desafia a suceder Ungulani Ba Ka Khosa. Para o efeito, aquele autor produziu um programa no qual se compromete em contribuir para impulsionar a actividade cultural e literária na AEMO.

De acordo com Cezerilo, ao longo dos dois mandatos anteriores a direcção da AEMO teve sucesso, a instituição cresceu culturalmente e socialmente. Ainda assim, escreve no seu manifesto, “é o tempo de gerir o sucesso de lhe dar mais vitalidade e sustentabilidade de olhos virados para o futuro. Neste Programa não fazemos apenas promessas, apontamos caminhos, porque AEMO é por aqui. Prometemos o que sabemos poder cumprir. Com a confiança dos confrades, unidos pela mesma causa embora a diversidade de pensamento”.

A ambição de Luís Cezerilo e a sua equipa é fazer da AEMO, em três anos, um espaço activo no debate das questões atinentes à construção da cidadania, de forma independente, inclusiva e abrangente.

Os três pilares do programa de Luís Cezerilo são cultura, coesão social e autonomia financeira, com sustentabilidade que assenta na defesa de princípios orçamentais rígidos e na criação de capacidade financeira que permite aos parceiros investir na AEMO, nas infra-estruturas, nos equipamentos, na realização de feiras de livro e na publicação de livros, estabelecimento de parcerias publico privadas, reforço da cooperação nacional e internacional.

Não obstante, os objectivos do programa de Cezerilo passam por manter a coesão da AEMO, dinamizar a actividade literária, internacionalizar a literatura moçambicana e seus fazedores, garantir a sustentabilidade económica da AEMO, garantir a massificação e promoção da leitura, fazer da AEMO um centro de debate de ideias e interventivo na vida social do país.

Luís Cezerilo prevê, para a sua equipa, corpo directivo constituído por Calane da Silva (Presidente da Assembleia-Geral), Tânia Tomé (Vice-Presidente), Alex Dau (Relator), Henriques Marcelino (Presidente do Conselho Fiscal), Amosse Mucavele (Vice-Presidente do Conselho Fiscal), Izidro Dimande (Vogal), Márcia dos Santos (Secretária-Geral-Adjunta) e Japone Arijuane (Vogal).


Perfil do candidato a Secretário-Geral
Luís Abel dos Santos Cezerilo é Pós-Doutorado em Estudos Literários e Doutor em Letras em Estudos Comparados de Literatura Africana de Língua Portuguesa. Possui mestrado e graduação pela Universidade de Évora. Actualmente, é Professor Auxiliar na Universidade Eduardo Mondlane-Faculdade de Letras e Ciências Sociais e na Academia de Ciências Policias (ACIPOL). Foi Assessor da Ministra da Justiça para Área Prisional e do Ministro da Educação e Cultura. Foi Membro Fundador do Núcleo de Pesquisa de Literaturas Africanas de Língua Portuguesa da Universidade Camilo Castelo Branco. Entre 2005-2007, foi Secretário-Geral-Adjunto da AEMO.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique