Luís Gonçalves e seus adjuntos observam Mambas em Portugal

O Seleccionador nacional, Luís Gonçalves, e seus adjuntos, Nelinho Nasser e Tiago Capaz, desdobram-se em visitas aos clubes que contam com jogadores moçambicanos, para avaliar o seu crescimento em campo, quando estamos a cerca de dois meses dos compromissos dos Mambas, referentes à fase de qualificação ao Mundial do Qatar, em 2022, cujo sorteio se realiza ainda este mês de Janeiro.

Depois de ter estado no campo do Amora FC, para conversar e acompanhar os jogos de Geraldo Matsinhe, no início deste ano, no sábado, a equipa técnica moçambicana esteve no Bonfim, campo de jogos do Vitória de Setúbal, para manter contactos com moçambicanos do Vitória de Setúbal. A equipa sadina tem, no seu clube, três jogadores e um treinador, os quais estiveram em conversa com Luís Gonçalves e seus adjuntos, para darem a conhecer o seu estágio actual.

Chiquinho Conde foi quem deu a saber o nível competitivo de Amâncio “Neymar” Canhemba, avançado, Kamo Kamo, extremo, e Bruno Langa, defesa central, jogadores que estão ligados ao clube, mas na categoria de sub-23.

A equipa técnica nacional teve o privilégio de acompanhar a actuação dos jogadores “Neymar” e Kamo Kamo, na derrota da sua equipa sub-23 diante do Estoril de Praia, por 1-3. Os dois jogadores estiveram em evidência no jogo de sábado, tendo estado a titular e feito todo jogo, mas sem conseguir evitar a derrota da sua equipa.

Por outro lado, Bruno Langa não esteve na equipa sub-23 pois fora convocado para a equipa principal, que no mesmo sábado defrontou o Sporting de Portugal, tendo perdido pelo mesmo resultado, 1-3. A convocatória de Bruno Langa à equipa principal foi devido a ausência de grande parte dos jogadores principais, assolados por uma gripe, facto que originou um braço-de-ferro entre a equipa sadina e os leões.

Bruno Langa não saiu do banco de suplentes, na partida da 16ª jornada da Liga NOS.

Para além destes jogadores já visitados, em Portugal jogam mais moçambicanos, dentre eles Witi Quembo, no Nacional da Madeira da segunda liga, e Zainadine Jr., no Marítimo da primeira liga.

 

Eis a reacção de Luís Gonçalves a esta visita da equipa técnica dos Mambas aos moçambicanos em Portugal

“Nossa visita no Vitória do Setúbal (minha e dos meus adjuntos) foi uma acção normal de trabalho para acompanhar a evolução de vários jogadores moçambicanos, neste caso a actuarem no Setúbal. Esta é uma acção normal em que acompanhamos os jogadores moçambicanos que actuam em Portugal, e temos vários e faz parte do nosso trabalho de acompanhar, de preferência in loco a evolução dos nossos jogadores. Curiosamente coincide com a chamada de Bruno Langa à equipa principal do Vitória e que nessa jogou com o Sporting. Naturalmente que é mais um indicador que nos deixa satisfeitos, um indicador de reconhecimento a qualidade, neste caso do próprio Bruno e seu trajecto. Um ascendente da qualidade do jogador moçambicano. Continuamos atentos e a fazer o nosso trabalho de seguir a evolução destes jovens jogadores que tem honrado e aberto portas para outros jogadores moçambicanos, não só em Portugal, mas em outros países.”


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique