Mais de 20 mil candidatos concorrem a 4960 vagas na UEM

Mais de 20 mil candidatos concorrem a 4960 vagas na UEM

Irão decorrer de 08 a 12 deste mês, em todo o país, os exames de admissão às Universidades Eduardo Mondlane, Unizambeze e Unilúrio. Para os diferentes cursos destas três universidades prestarão provas de admissão 32,143 candidatos, dos quais 22,527 candidatos concorrem para os cursos da UEM, sendo 8% acima do número de candidatos de 2017.

Os candidatos concorrem para 4960 vagas que a UEM oferece em 2018. As vagas oferecidas este ano, serão para os cursos leccionados no regime laboral, cursos do pós-laboral e para os cursos leccionados à distância.

Cerca de 70% destes candidatos são da província e cidade de Maputo (contra 73% do total de candidatos do ano de 2017), seguidos das províncias de Gaza e Inhambane, que contam, cada uma, com cerca de 6% do total de candidatos à UEM. As províncias de Tete e Niassa são as que registaram o menor número de candidatos, cada uma delas com aproximadamente 1% do total de candidatos à UEM, cenário igual ao de 2017, em que estas foram também as províncias com menor número de candidatos.

O número de candidatos por género mantém-se quase que equilibrado, sendo 49% para o género feminino e 51% para o masculino.

De acordo com o comunicado da UEM, os 5 cursos mais concorridos nestes exames são todos do regime laboral, e não diferem muito das preferências do ano de 2017, sendo: Medicina com 2909 candidatos, Direito com 1848, Contabilidade e Finanças com 1832, Administração Pública com 1689 e Biologia e Saúde com 1640 candidatos.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique