MDM entrega carta de agradecimento à embaixada dos EUA pela detenção de Manuel Chang

MDM entrega carta de agradecimento à embaixada dos EUA pela detenção de Manuel Chang

O MDM entregou hoje uma carta de agradecimento à Embaixada dos Estados Unidos da América pela detenção do deputado e ex-ministro das Finanças, Manuel Chang. Entretanto, a Polícia tentou impedir a marcha do terceiro maior partido político.

O que era para ser uma caravana com som e dísticos em agradecimento aos Estados Unidos de América pela detenção e possível extradição de Manuel Chang, acabou por originar uma confusão.

A marcha dos membros do MDM na cidade de Maputo começou na sede da delegação e os manifestantes alegavam ter direito de passear pela cidade, mas a Polícia posicionada na rotunda da Guerra Popular, exigia uma autorização para o efeito.

Passados alguns minutos, os ânimos exaltaram-se e a Polícia decidiu interditar sem mais conversações, o trajecto do MDM, que pretendia chegar à embaixada dos Estados Unidos da América.

De seguida, a Polícia tentou obrigar que cada carro se dirigisse a um destino diferente da Embaixada. O MDM aceitou, mas foi apenas uma tática para despistar as autoridades, pois cada membro da caravana seguiu um caminho diferente, mas todos tinham como destino a embaixada dos EUA.

A Polícia apercebeu-se e seguiu alguns deles, e até tentou barrá-los à força.

Mas de nada valeu. O MDM diz que conseguiu entregar a carta à embaixada norte-americana na qual agradece a detenção e possível extradição de Manuel Chang. Mas quando o reforço da Polícia chegou com gás lacrimogénio, os manifestantes que aguardavam pelos colegas que estavam na embaixada dispersaram-se.
 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique