Moçambique estreia-se diante de Angola no “Africano” de futsal

Moçambique estreia-se diante de Angola no “Africano” de futsal

A selecção nacional de futsal joga a 29 de Janeiro frente a similar de Angola, na cidade de Laâyoune, Marrocos, em partida a contar para a primeira jornada do Grupo “B” do Campeonato Africano das Nações (CAN).

Na segunda ronda, o combinado nacional mede forças no dia 31 de Janeiro, também em Laâyoune, com a Guiné Conacri.

A 2 de Fevereiro, em jogo pontuável para a terceira jornada, o "cinco" moçambicano bate-se com o Egipto, equipa que já conquistou a prova em três ocasiões: 1996, 2000 e 2004.

Em 2016, na África do Sul, a selecção nacional de futsal ocupou a terceira posição após vencer a Zâmbia.
A melhor posição ocupada por Moçambique nesta competição foi o segundo lugar alcançado em 2004, quando perdeu com o Egipto por 10-2.

No grupo “A”, teremos o Marrocos, campeão em título, Líbia, vencedora da prova em 2008, Guiné Equatorial e África do Sul.

O Marrocos começa a defesa do título diante da Líbia, enquanto a África do Sul mede forças com a Guiné-Equatorial.

Na segunda jornada, teremos os seguintes embates: África do Sul vs Líbia e Marrocos vs Guiné Equatorial. Na terceira e jornada, África do Sul mede forcas com Marrocos e a Líbia joga com a Guiné Equatorial.

 

ANGOLA INICIA TRABALHOS SEGUNDA-FEIRA

Com vista a sua participação no Campeonato Nacional de futsal, a selecção angolana começa a trabalhar na próxima segunda-feira, às 18h00, no Pavilhão Anexo I da Cidadela, no distrito urbano do Rangel, em Luanda.
Em declarações ao Jornal de Angola, o ex-seleccionador nacional Shéu Cahalo, disse que o desafio com Moçambique será complicado. “O jogo com Moçambique vai ser difícil, porque é uma selecção que já disputou vários desafios contra Angola e venceu-nos na última vez em casa”, declarou o ex-técnico da equipa de Futsal da RNA.

Questionado sobre o grupo do “cinco” nacional, Ca-halo considerou complexo devido à integração do Egipto e Moçambique que já competiram num Campeonato do Mundo. “Angola está numa série nada fácil, com duas selecções que já estiveram numa fase final de um mundial”, anteviu.

Para a fase final do CAN, o técnico Benvindo Inácio convocou os guarda-redes Chico, da Rede Nacional de Transporte de Electricidade (RNT), Neblú e Gomito (Coprat FC), os fixos Leo e Edilau Ramos (Coprat FC), Mantó e Mano Sele (RNT), os alas Caluanda, Nuno, Jó Marrés e Nonó (Coprat FC), Bebucho Gonga e Dias Cassiano (RNT), Bebucho Gilberto (Académicos do Namibe), os pivot's Prado da Silva (Coprat FC) e Fábio Fernandes (Estrelas do Palácio da Huíla).

 

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique