Muçulmanos repudiam suspeitas de ligação de atacantes com religião

Muçulmanos repudiam suspeitas de ligação de atacantes com religião

Munícipes protestaram, este sábado na cidade de Pemba, contra os ataques armados de homens desconhecidos em Cabo Delgado.

Os munícipes marcharam para pressionar ao governo a resolver o caso que está a criar um clima de tensão e medo na província.

Na ocasião, crentes da religião muçulmana repudiaram as suspeitas de ligação dos atacantes com a religião.

“O islão não é, nunca foi e jamais será uma religião que sustenta a criminalidade e o terrorismo. Os incidentes de Mocímboa da Praia, Palma e Nangade, nada têm a ver com o islão”, reiterou um membro da Comissão de Oração da Paz.

Já o representante do Conselho Islâmico frisou que “ o islão repudia, energicamente, intrigas, calúnia, adulteração, conspiração, guerra e crueldade”.

Os governantes, por seu turno, prometeram trabalhar para resolver o problema e garantiram prestar apoio às famílias afectadas pelos ataques.

A marcha foi organizada por confissões religiosas e organizações da sociedade civil.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique