“Mulher” de Dany Wambire já percorre avenidas de Maputo

“Mulher” de Dany Wambire já percorre avenidas de Maputo

O livro de Dany Wambire, A mulher sobressalente, lançado no início do mês no Brasil, já foi lançado em Maputo. A apresentar a obra, no Centro Cultural Brasil-Moçambique, a escolhida foi a professora universitária Egna Sidumo.

A apresentação do livro poderia seguir uma sequência comum: introdução, desenvolvimento e fim, mas a académica quis fazer diferente.

O livro é composto por 10 contos, um deles intitulado A mulher sobressalente, mas antes de chegar à ela (mulher sobressalente), Sidumo passou pela “Página 23, que na verdade, vai ser o pontapé de saída daquilo que o livro traz, sobre as várias vivências, através das temáticas. “(…) É por si caro leitor que se revelou este segredo, mesmo sabendo que João pode voltar a beber quando este conto lhe chegar às mãos e aos olhos”. Foi com esta passagem, extraída do último parágrafo do texto “O Bêbado corrigível”, que a académica começou a apresentação da obra.

Na viagem feita à “mulher sobressalente”, chegou-se a estória da “Melissa”, que, devido as más condições de vida que passava, certo dia viu na religião uma forma de se sobressair, achando que se filiando a uma igreja poderia ter algum benefício material. A questão trazida neste conto é real aos olhos de Egna, já que, o que guiava aquela personagem não era a honestidade nem a fé, mas sim o interesse, deturpando a própria educação que dava a seus filhos. Entre o “bêbado corrigível”, e “Melissa”, chegou-se também ao “Analista drogado”, que conta a história de um homem com um alto sentido de crítica social, mas porque tudo o que falava era verdade, e incomodava aos corruptos, hipócritas e maus carácteres existentes na sociedade, passou a ser olhado como inimigo, vendo assim a sua vida destruída pelos poderosos, acabando por se desgraçar e falecer no mundo das drogas.

 Entre bêbados, drogados, crentes e injustiçados, finalmente a mulher sobressalente chegou, esta que não passava de uma menina do campo. “É a história sobre como a mulher é vista como uma peça, a história de uma menina cujos sonhos foram penhorados, pelo seu pai, mãe e irmã, ou seja, este conto gira em torno de uma família que decide que seus problemas devem ser resolvidos por uma menina inocente ”, disse Sidumo.

Para além dos contos mencionados, no livro encontram-se também “O conselho da enfermeira”, “O linchamento dos dólares”, “O filho do camponês”, “Casal de brincadeira”, entre outros.

A obra traz a reflexão sobre assuntos relacionados ao álcool, drogas, crenças, e as mais diversas adversidades do dia-a-dia na sociedade.

Esta é a quarta obra de Dany Wambire, que vai se juntar às anteriores três: A adubada fecundidade e outros contos, O curandeiro contratado pelo meu edil e Quem manda na selva.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique