Obras do “nó” de Tchumene em Maputo paralisadas por ausência de técnicos

Obras do “nó” de Tchumene em Maputo paralisadas por ausência de técnicos

A construção do “nó” de Tchumene que liga a Estrada Nacional Número Quatro (EN4) e a Estrada Circular de Maputo, na província, encontra-se paralisada devido à ausência de técnicos encarregues pela obra.

Consta que os técnicos, de nacionalidade chinesa, foram ao país em Novembro último na sequência da festa do ano novo, uma tradicional comemoração que junta o povo chinês a cada ano.

Sucede porém, que enquanto se encontravam na China eclodiu o novo Coronavírus, um surto que está a abalar o país e, igualmente, o mundo inteiro.
“Não é só aquela obra. Temos tantas obras.

Devido ao Coronavírus, tantas obras nossas estão a andar com deficiências”, disse ao “O País” por via telefónica, César Macuácua, diretor-geral da Administração Nacional de Estradas (ANE).
“Estamos a ser pressionados pela Track. Querem que a gente tire aqueles prumos ali em baixo, mas não estamos a ter saída, enquanto os técnicos não voltam não teremos saída, porque aquele é um trabalho especializado”, acrescentou o director-geral da ANE, tendo revelado que já tentaram efectuar contactos na vizinha África do Sul, mas que está a ser difícil encontrar técnicos.

Na sequência do não avanço das obras do “nó” de Tchumene, a circulação rodoviária na EN4, na província de Maputo, está condicionada desde Setembro último.

A via encontra-se degrada e com dificuldades para o trânsito. Vários automobilistas têm-se queixado da situação e, não apenas deste, mas também da criminalidade que se regista no local.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique