ONU encoraja Camarões a continuar adoptar medidas de confiança e reconciliação

ONU encoraja Camarões a continuar adoptar medidas de confiança e reconciliação

O secretário-geral da ONU, António Guterres, encorajou o Camarões a continuar adoptar medida de confiança e reconciliação. Guterres saudou a libertação de 102 membros do partido Movimento para o Renascimento dos Camarões.

"O secretário-geral congratula-se também com a realização do diálogo nacional" e pede para que decorra uma "continuação efectiva".

Maurice Kamto, candidato derrotado nas eleições presidenciais de 2018, foi libertado no sábado, em Yaoundé, ao fim de nove meses de detenção. O opositor foi detido no final de janeiro, com centenas de apoiantes, na sequência de manifestações pacíficas contra os resultados das presidenciais.

Os Camarões, durante anos um país relativamente pacífico na África Central, têm vivido recentemente várias crises.

No Norte, o país encontra-se sob a ameaça do grupo radical Boko Haram, enquanto nas regiões Noroeste e Sudoeste, onde vive sobretudo a minoria anglófona, confrontos entre grupos armados independentistas e militares causaram, nos últimos dois anos, cerca de três mil mortos, de acordo com organizações não-governamentais (ONG).
 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique