Resultado das Buscas "XI-CAU"




  • Algumas razões do abulicismo no desporto

    Algumas razões do abulicismo no desporto

    Algo que já se passa com o Chibuto, onde os “guerreiros” mobilizam e catalisam toda uma região, estimulando a felicidade de ser chibutense, gazense e, numa escala ascendente, o orgulho pela moçambicanidade. Por esta ordem.

    03 de Dezembro 2018 12h41, Renato Caldeira
  • Há que projectar novos ganhos com o Moçambola

    Há que projectar novos ganhos com o Moçambola

    Nas bancadas, viveram-se emoções ao rubro, com abraços e afectos, novas amizades e conhecimentos, propiciadores de ideias para novos negócios. Os vendedores formais e informais, foram fazendo os seus negócios.

    12 de Novembro 2018 13h22, Renato Caldeira
  • Estórias do desporto...com pitadas de humor (1)!

    O bom humor do poeta Craveirinha Ai que saudades, do imbondeiro da poesia, mas também do desporto, José Craveirinha, “descobridor” de Lurdes Mutola! Aí vai uma estória desse adepto ferrenho do Desportivo.

    04 de Outubro de 2018 12h12, Renato Caldeira
  • Será que já fiz a minha parte?

    É uma frase feita, que entrou na moda e, praticamente, no léxico moçambicano: “já fiz a minha parte”.

    13 de Abril 22h27, Renato Caldeira
  • Abel Faife: lugar cativo no jornalismo moçambicano

    Fevereiro de 1974. Fim de tarde. Abel Faife, um dos poucos jornalistas negros, que se conseguiu “infiltrar” em razão das suas capacidades na Redacção do Notícias, entre profissionais com a “cor adequada de então”...

    01 de Abril 08h43, Renato Caldeira
  • Ai que saudades... Samora e o desporto

    “Onde entra o desporto, sai a doença” – esta é uma frase de Samora Machel quando se referia à necessidade de todos os cidadãos se preocuparem com a prática desportiva.

    04 de Janeiro 22h06, Renato Caldeira
  • Recordando o título maxaca e a presença num Mundial

    Recordando o título maxaca e a presença num Mundial

    Final do jogo com o Barça, as estrelas San Epifânio, De La Cruz, Sibílio, Vilacampa e outros, numa manifestação de simpatia, vieram ao nosso autocarro para fazerem a tradicional troca de camisolas. Uma honra, para nós, sem dúvida. Só que... os nossos atleta...

    23 de Julho 15h02, Renato Caldeira
  • Jogos Escolares: o bom e o mau!

    Jogos Escolares: o bom e o mau!

    O BOM – Tudo foi criado e idealizado na governação do saudoso Presidente Samora Machel e os primeiros jogos tiveram um lançamento no Estádio da Machava, em cerimónia irrepetível. Agora estamos nos 13º Jogos Escolares.

    17 de Julho 17h52, Renato Caldeira
  • Racismo e estratificação no desporto colonial

    Racismo e estratificação no desporto colonial

    Recordo-me perfeitamente do dia em que o campo do Sporting de Quelimane registou uma anormal enchente nas bancadas e cujo motivo central era ver o primeiro negro a vestir a camisola “leonina”: chamava-se Rolando, vinha da então Rodésia. Jogava que se fartava.

    10 de Julho 19h29, Renato Caldeira
  • De Sporting para Maxaquene passando por Leões e Asas

    De Sporting para Maxaquene passando por Leões e Asas

    Foi num comício muito concorrido, que o Presidente Samora Machel orientou, de forma enérgica, que não fazia mais sentido os clubes moçambicanos continuarem a ostentar designações dos colonizadores, ou de cariz tribal e religioso. Aplausos. Restava cumprir a ordem.

    05 de Julho 18h05, Renato Caldeira
  • É mesmo... “Made in Moçambola”

    É mesmo... “Made in Moçambola”

    Tudo o que possa dar força, vida e credibilidade ao Moçambola deve ser estimulado. É que a prova-maior do nosso futebol, depende mais da asserção política de unidade nacional, da tradição de envolvimento de empresas públicas como CFM, EDM, LAM e outras, do que “peso específico” da sua qualidade.

    02 de Julho 18h40, Renato Caldeira
  • Aproveitemos “esta onda” (re)motivadora!

    E quando o Chefe de Estado, na sua mensagem aos Mambas, refere que o desporto está de volta, o que podemos daí concluir? Que está de volta, tendo em conta novas perspectivas, enquadradas numa realidade em que o país, com mais saúde financeira, reunirá condições para mais investimento no sector.

    18 de Junho 18h27, Renato Caldeira
  • O que desmotiva a velha geração?

    “E pouco importa que a nossa criançada, devido a este corte na nossa auto-estima, vá vivendo de play-station, definhando paredes-meias com este novo paradigma assumido, de viver como seus os sucessos dos outros”

    09 de Maio 17h44, Renato Caldeira
  • Tarde de júbilo na Machava: abraço de Chissano a Dhlakama

    No nosso país, dia-a-dia e infelizmente, a tendência é cultivarem-se mais razões para tristezas e cada vez menos motivos para, com abraços e saudações, exaltarmos as virtudes dos nossos melhores executantes!

    31 de Maio 14h59, Renato Caldeira
  • Quando a Praça Mugabe vira Marquês de Pombal

    A festa no Marquês de Pombal, centro de Lisboa, teve uma filha legítima em Maputo. Idêntica situação seguramente aconteceria se o vencedor da Liga Portuguesa fosse o FC do Porto, detentor de um penta, ou do Sporting, eterno candidato ao “tenta”.

    26 de Maio 09h50, Renato Caldeira
  • Anti-machanganismo primário "vitima" Salvado

    Em regra, os técnicos do Sul sabem que no Norte do país o factor tribal funciona segundo os resultados: saudações e abraços quando vencem, rótulos de marronga ou machangana quando perdem.

    18 de Maio 18h43, Renato Caldeira
  • Projectos que já não se… projectam!

    XI-CAU CAU O Estádio da Machava, cheíssimo, deu várias vezes corpo a tardes e noites de futebol absolutamente irrepetíveis. Os “canarinhos” tinham um Nito que começava as jogadas atrás, subindo e descendo pela sua ala como se existisse um alçapão.

    17 de Maio 15h51, Renato Caldeira
  • Boas intenções, efeitos indesejáveis

    1. O antigo Presidente Joaquim Chissano, com a melhor das intenções, recebeu em audiência um apresentador de televisão que havia tido um excelente desempenho numa missão no estrangeiro.

    16 de Maio 18h51, Renato Caldeira




Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique