Posto administrativo de Alua terá corrente eléctrica em breve

Posto administrativo de Alua terá corrente eléctrica em breve

Apenas 28% dos moçambicanos têm acesso a energia elétrica da Hidroelétrica de Cahora Bassa, apesar do investimento que o Governo tem feito na eletrificação rural. Na província de Nampula, o posto administrativo de Alua vai ter em breve corrente elétrica da rede pública.

Na pacata povoação do distrito de Eráti, em Nampula, energia elétrica não passa de um sonho. Para iluminar as noites e assistir televisão, os moradores devem  recorrer aos painéis solares.

O desejo de ter energia elétrica é partilhado por todos habitantes do posto administrativo de Alua, no distrito de Eráti. E em cumprimento da promessa do Chefe do Estado na sua última visita a província de Nampula, estão em curso obras de alargamento da rede.

Até finais de Outubro a energia vai chegar a população de Alua.

Trata-se de um investimento comparticipado entre o Governo e a empresa Electricidade de Moçambique, num total de 92 milhões de meticais.

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique