Renamo desvaloriza resultados proclamados pelo Conselho Constitucional

Renamo desvaloriza resultados proclamados pelo Conselho Constitucional

O Conselho Constitucional validou, nesta quarta-feira, os resultados das quintas eleições autárquicas de 52 autarquias das 53 existentes no país. Os resultados de Marromeu foram invalidados, por o Conselho Constitucional considerar que houve irregularidades graves que influenciaram os resultados da CNE.

A Renamo desvaloriza os resultados proclamados pelo Conselho Constitucional e diz que os mesmos reflectem a fraude que se registou durante o processo.

“Lamentamos bastante os resultados, porque não correspondem aquilo que foi todo processo. Roubaram-nos nos municípios de Monapo, Moatize, Alto Molocue, Marromeu e Maputo”, disse André Madjibire, Mandatário de candidatura da Renamo.

Já a Frelimo saúda os resultados e dedica a vitória ao povo moçambicano.

“O acórdão mostra claramente que este processo foi muito bem organizado. Devemos dar os parabéns aos moçambicanos no geral”, ressaltou Sérgio Pantié, Mandatário de candidatura da Frelimo acrescentando que o partido vai se preparar para merecer a confiança dos munícipes de Marromeu.

O MDM defende revisão da lei eleitoral para que o processo seja mais justo e transparente.

“O MDM reitera que é fundamental que se faça uma revisão profunda da lei eleitoral e quanto ao Município de Marromeu, o nosso partido está do lado de quem defende a repetição das eleições naquelas mesas”, afirmou o mandatário do MDM, José de Sousa.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique