Reserva Especial de Maputo em chamas

Reserva Especial de Maputo em chamas

A Reserva Especial de Maputo está em chamas, colocando em perigo a vida dos animais que lá se encontram.

"O País" entrou em contacto telefónico com o director da Reserva, Miguel Gonçalves, para perceber o que teria causado o incêndio. Este informou que ainda não se sabe. Mas, suspeita-se que alguém tenha deitado uma beata de cigarro aceso ou que um grupo devidamente autorizado para cortar eucaliptos tenha feito fogo para cozinhar e não apagou devidamente.

"A Reserva de Maputo está a arder e até ao momento são desconhecidas as causas do incêndio", começou por dizer o director da Reserva, para mais adiante afirmar: "O fogo não coloca em causa a vida dos animais de grande porte, muitos menos as infra-estruturas. Agora, os animais pequenos podem ser atingidos pelo fogo".

Questionado se a Reserva de Maputo teria capacidade para debelar o fogo, o director respondeu que nãohavia capacidades para se combater o fogo daquelas proporções.

Até a altura em que falávamos telefonicamente com o director, por volta das 19 horas desta segunda-feira, não sabia qual seria o desfecho do problema.

A Reserva Especial de Maputo é uma área de conservação localizada no extremo sul de Moçambique, no distrito de Matutuíne. A mesma foi criada em 1932.

A Reserva é, sobretudo, notável pela grande variedade e riqueza de habitats, praias virgens, mangais, prados, florestas costeiras sobre dunas e várias lagoas. Tem cerca de 350 espécies de aves.

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique