Tribunal adia sentença do “caso ataques armados” em Cabo Delgado

Tribunal adia sentença do “caso ataques armados” em Cabo Delgado

A sentença do segundo processo-crime relacionado com os ataques armados em Cabo Delgado foi adiada alegadamente porque ainda está em produção.

Trata-se do processo número 99/2018. Veredicto devia ter sido conhecido hoje. O adiamento foi confirmado por uma fonte do Tribunal Judicial da Província de Cabo Delgado que não avançou detalhes sobre o caso.

Com 34 arguidos, o processo-crime em alusão é o segundo relacionado com os ataques armados, julgados pelo Tribunal Judicial da Província de Cabo Delgado.

No primeiro processo, cuja sentença foi lida a 24 de Abril último, dos 189 arguidos, 10 foram condenados a 40 anos de prisão, 24 a 16 anos, três a 12 anos e 113 absolvidos por insuficiência de provas sobre o seu envolvimento no caso.

Em ambos processos, tal como outros três relacionados com o mesmo caso e que aguardam pelo julgamento, os réus são acusados de prática de homicídio qualificado, posse de armas proibidas, associação para delinquir e instigação à desobediência colectiva.

Os ataques armados em Cabo Delgado iniciaram em Outubro de 2017 e ainda são desconhecidas as causas dos mesmos.

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique