União Europeia disponibiliza fundos para ajudar pessoas afectadas pelo ciclone

União Europeia disponibiliza fundos para ajudar pessoas afectadas pelo ciclone

A União Europeia disponibilizou 150 000 euros em fundos humanitários para ajudar as pessoas afectadas pelas inundações com abrigo, água, saneamento e saúde.

Este financiamento apoiará a Cruz Vermelha de Moçambique na prestação de assistência às comunidades afectadas. Isso inclui abrigo temporário imediato para as famílias que perderam as suas casas devido ao ciclone, acesso à água potável, serviços de primeiros socorros para as comunidades afectadas de forma a tratar ferimentos e evitar a perda de vidas, fornecimento de redes mosquiteiras para proteção contra a malária e fornecimento de bens essenciais básicos, como cobertores, colchões e utensílios de cozinha.

Serão beneficiados directamente 7 500 pessoas nas províncias da Zambézia, Sofala, Manica e Tete, afectadas pelas cheias e pelo impacto do ciclone. No total, mais de 17 mil pessoas serão beneficiadas com serviços de higiene nos centros de abrigo.

O financiamento faz parte da contribuição geral da UE para o Fundo de Emergência em Desastres (DREF), da Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho (IFRC).

O ciclone tropical Idai iniciou no dia 14 de Março atingindo a costa de Moçambique, afectando as províncias de Sofala, Zambézia, Tete, Chimoio. O acesso às zonas afectadas continua a ser um desafio devido às estradas inundadas e danificadas.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique