Valete e Elida Almeida já em Maputo para o AZGO

Valete e Elida Almeida já em Maputo para o AZGO

Uma vez mais, a cidade de Maputo vai acolher o Festival AZGO. Na sua 8ª edição, o evento organizado pela Khuzula está marcado para sábado, no Campus Universitário da UEM. No entanto, na véspera, no Centro Cultural Franco-Moçambicano, igualmente, na capital do país, haverá o evento de abertura desta edição, quando forem 20h30 (amanhã).

O espectáculo de abertura da 8ª edição do AZGO vai contar com Nathalie Natiembé, Flávia Coelho, Gran’Mah e Kommanda Obbs. Ainda amanhã, quando forem 19h30, o Franco vai testemunhar a inauguração da exposição Capas africanas, de Youri Lenquette, constituída por retratos de vários músicos com quem o antigo jornalista trabalhou nos últimos 30 anos. Segundo um comunicado de imprensa do Franco-Moçambicano, algumas das fotografias foram usadas para capas de álbuns, cartazes de concertos e capas de revistas em todo o mundo.

Durante a conferência do lançamento oficial do festival AZGO, artistas que vão actuar no evento disseram estar preparados para fazer o público vibrar e proporcionar um grande espectáculo. São os casos de Valete, Roberto Xitsondzo e Yola Semedo.

Porque o que lhes une é a música, a cantora cabo-verdiana, Elida Almeida, disse que os artistas devem cantar o que lhes vai à alma.

O rapper português, Valete, que já colaborou com Duas Caras e Azagaia, promete cantar músicas dos seus dois álbuns e não só. O “Viris”, como também é conhecido, entende que o AZGO é um festival de multiétnico, daí a relevância de incluir o Hip-Hop no evento, no seu caso, mais electrónico.  

Roberto Chitsondzo também estará no AZGO. Nesta edição, o “bom rapaz” vai dar visibilidade às músicas do seu álbum de estreia a solo: Kwiri, lançado ano passado. Não obstante, Chitsondzo promete levar aos ouvidos do auditório alguns temas emblemáticos antigos.

Não querendo ficar atrás, Yola Semedo interveio na conferência de imprensa desta tarde para revelar que vai lançar no AZGo músicas inéditas, algo que a deixa algo nervosa. De Angola, Semedo veio apenas com dois músicos, mesmo porque em Moçambique tem muitos elementos que constituem a sua banda.

 

 


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique