Polícia confirma sete mortes em mais um ataque em Macomia

À semelhança do que aconteceu em Palma, todas as vítimas foram mortas à catana. Inácio Dina diz que não restam dúvidas de que se trata de fragmentos do mesmo grupo já fragilizado pelas forças de defesa e segurança.

Sobre a denominação Al-shabab que o grupo tem recebido, o porta-voz da polícia diz ser irrelevante, tanto mais que os mesmos não se identificam como tal e não se conhece nenhuma reivindicação de cariz político ou religioso do grupo, pelo que aos olhos da polícia está-se perante delinquentes comuns.

Questionado se o facto de as populações estarem a abandonar as aldeias não seria sinal de que as Forças de Defesa e Segurança não estão a conseguir garantir a segurança, Inácio dina não foi muito específico na resposta.

Na última quinta-feira, a Polícia anunciou a morte de nove supostos integrantes do grupo.

Em relação ao ataque em Macomia ainda não há detidos.


Contactos

Tef: +258 21 313517/8

Email: opais@soico.co.mz
Local: Rua Timor Leste, 108 Baixa
Maputo- Moçambique